Fonte: OpenWeather

    Auxílio


    Governo pretende lançar 'Renda Brasil' para substituir Bolsa Família

    Programa terá valor maior que o repassado pelo Bolsa Família e deve substituir outros auxílios

    | Foto: Divulgação

    Uma das propostas em estudo pelo Ministério da Economia para criar o programa "Renda Brasil" é unificar o Bolsa Família, o abono salarial, o seguro-defeso e o salário-família. A ideia do governo é usar os recursos dos quatro programas para criar uma marca social para o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

    "Nós vamos começar agora uma aterrissagem com uma unificação de vários programas sociais e o lançamento de um Renda Brasil. Aprendemos também durante toda essa crise que havia 38 milhões de brasileiros invisíveis e que também merecem ser incluídos no mercado de trabalho. Vamos lançar um programa Verde e Amarelo, nós vamos formalizar esse pessoal todo, porque eles eram invisíveis", afirmou o ministro Paulo Guedes em reunião do conselho do governo, transmitida pela TV Brasil.

    De acordo com o ministro, o programa de renda básica permanente deve substituir o auxílio emergencial. O auxílio será prorrogado por mais dois meses e, nesse meio tempo, o governo vai verificar o que se gasta com programas mal focalizados - ou seja, que custam muito caro, mas não chegam necessariamente aos mais pobres - e direcionar os recursos para lançar o Renda Brasil.

    O Renda Brasil, conforme explicou o ministro, vai ser focado nos brasileiros que hoje recebem o Bolsa Família. Além destes, serão incluídos parte das pessoas que estão recebendo o auxílio emergencial, principalmente aquelas de baixa renda e sem emprego, que precisam de ajuda do governo, mas não se enquadravam nos critérios do Bolsa Família.

    Vale lembrar que a ideia ainda será enviada ao Congresso Nacional para que possa ser aprovada.

    Leia mais:

    Em Manaus mais de 15 mil famílias receberam o auxílio ‘Nossa Merenda’

    Mais de mil alunos recebem kits do “Hora da Merenda” em um dia

    Vereador Joelson Silva comemora pagamento de auxílio para estudantes