Fonte: OpenWeather

    Economia


    Fisco libera primeiro lote de restituição de pessoas que caíram na malha fina

    A Delegacia da Receita Federal no Amazonas liberou nesta terça-feira (8) a consulta ao 1º lote multiexercício do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (IRPF).

    O dinheiro restituído será creditado na próxima terça (15) na conta bancária informada pelo contribuinte em sua declaração.

    De acordo com o Fisco, serão liberadas as restituições referentes aos residuais do exercício de 2012 (ano calendário 2011), de 2011 (ano calendário 2010), de 2010 (ano calendário de 2009), de 2009 (ano calendário de 2008) e de 2008 (ano calendário de 2007), para um total de 1.457 contribuintes, totalizando R$ 2,39 milhões.

    O delegado da Receita Federal, Alzemir Vasconcelos, explicou ao EM TEMPO Online que este lote representa a primeira parcela de contribuintes que caíram na malha fina, devido a erros ou omissões na declaração do IRPF.

    “O número de pessoas na malha fina só irá reduzir quando for implantada, em 2014, a declaração pré-preenchida do IR. Quem ainda estiver na malha fina deve agilizar sua liberação, entrando no www.receita.fazenda.gov.br, onde poderá verificar a pendência”, explicou.

    Sobre a declaração de IR pré-preenchida, Vasconcelos lembrou que a modalidade servirá somente para contribuintes que tenham apenas uma fonte de renda.

    “Devido à praticidade, acho que irá facilitar a vida dos contribuintes na hora de declarar e o trabalho dos auditores, cabendo ao contribuinte apenas concordar ou não com o conteúdo do documento já pronto”, finalizou.

    A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá requerê-la por meio da internet, mediante o pedido de pagamento de restituição ou diretamente no e-CAC, no serviço Declaração IRPF.