Fonte: OpenWeather

    Oportunidade na Amazônia


    Oportunidade: UEA lança a 1ª Escola de Negócios da Floresta Amazônica

    Inicialmente, serão oferecidas 750 vagas. A duração do curso é de 18 meses com carga horária de 450 horas

    O curso visa ao acesso a conhecimentos voltados à constituição de negócios a partir de recursos amazônicos.
    O curso visa ao acesso a conhecimentos voltados à constituição de negócios a partir de recursos amazônicos. | Foto: Divulgação

    Manaus - A Escola de Negócios denominada Rainforest Social Business School – RSBS/UEA - a ser implantada na Universidade do Estado do Amazonas (UEA). A RSBS/UEA, será lançada virtualmente nesta quinta-feira (5), às 10h, pela plataforma Zoom.

    A Rainforest Social Business School – RSBS/UEA - é voltada para a implementação de negócios que garantam o desenvolvimento econômico, a inclusão e equidade social como oportunidades de mercado para produtos e serviços oriundos de florestas tropicais, respeitando seus ecossistemas e sociedades.

    Empreendedores da floresta

    De acordo com a UEA, o curso visa ao acesso a conhecimentos voltados à constituição de negócios a partir do aproveitamento de recursos amazônicos.

    “O cenário que vislumbramos, a partir da Escola de Negócios da Floresta Amazônica, é potencializar o espírito empreendedor e instrumentalizar jovens e empresários que já estão atuando no interior do estado, principalmente, aqueles que terminaram uma faculdade, tem potencial latente para negócios. Nós estamos atraindo esses jovens para mudar um pouco suas visões para que eles possam perceber a oportunidade de atuação como empreendedores. Com isso, vamos ter mais negócios com produtos da floresta, com agregação de valor e as unidades produtivas no território amazônico”, disse a pró-reitora de Planejamento da UEA, Maria Olívia Simão.

    Vagas

    Inicialmente, serão oferecidas 750 vagas distribuídas em Manaus (200 vagas); Iranduba (50), Manacapuru (50), Presidente Figueiredo (50), Tabatinga (50), Tefé (50), Coari (50), Lábrea (50), Parintins (50), Maués (50), São Gabriel da Cachoeira (50); e Boca do Acre (50). A duração do curso é de 18 meses com carga horária de 450 horas.

    Alcance da UEA

    O reitor da UEA, Cleinaldo de Almeida Costa, enfatiza que a implantação da Rainforest Social Business School e da Especialização Amazon Rainforest Business - Negócios da Floresta Amazônica aumenta o alcance social da UEA, na Amazônia.

    “É preciso desenvolver essa bioeconomia preservando os conhecimentos tradicionais dos povos da Amazônia. As pessoas serão formadas para agregar valor aos produtos e as cadeias produtivas da nossa região para que se possa ter uma plataforma de negócios que melhorem a qualidade de vida dessa população que preserva a floresta. Vamos estabelecer uma relação de currículos comuns”, salientou.

    Perfil do participante

    Por se tratar de um curso voltado para a gestão e empreendedorismo associado à conservação do Bioma Amazônia, o perfil do participante desse processo de formação é o de pessoas com graduação que busquem conhecer aspectos amazônicos relacionados às diferentes faces do mundo dos negócios para atuarem como gestores de cadeias produtivas, empreendedores e ou consultores em negócios das Florestas Tropicais, sobretudo aqueles com inserção na Amazônia.

    Resumo das informações:

    O projeto conta com a participação do Instituto de Estudos Avançados (IEA) e a Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Atuária (FEA), da Universidade de São Paulo (USP), o Green Rio, a Secretaria Executiva de Ciência, Tecnologia e  Inovação, da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti), parceiros de primeira hora. 

    A coordenação do projeto destaca que a Rainforest Social Business School busca oportunidades concretas de implementação de negócios sustentáveis que sejam capazes de aproveitar os diferenciais competitivos existentes no bioma Amazônia.

    Durante o evento, será lançado também o curso de Pós-Graduação Lato Sensu (Especialização) Amazon Rainforest Business - Negócios da Floresta Amazônica.

    Leia mais:

    www.emtempo.com.br/ultimas