Fonte: OpenWeather

    Gestão financeira


    Gestão financeira de Arthur Neto inseriu mais de R$ 311 mi na economia

    Arthur destaca que organização financeira de sua gestão possibilitou movimentação na economia local

    Segundo a Semef, somente com o 13º são investidos R$ 56,4 milhões na economia manauara
    Segundo a Semef, somente com o 13º são investidos R$ 56,4 milhões na economia manauara | Foto: Alex Pazuello/Semcom

    Manaus - A Prefeitura de Manaus, na gestão do prefeito Arthur Virgílio Neto, teve como prioridade durante os oito anos o manejo da questão econômica, a responsabilidade com gastos e o planejamento do futuro, deixando para seu sucessor um legado de equilíbrio fiscal. Essa organização financeira possibilitou que os salários e o 13º dos servidores municipais fossem pagos antecipadamente, o que movimenta a economia com mais de R$ 311 milhões e gera maior segurança aos funcionários do município.

    “A prefeitura investe, neste final de ano, mais de R$ 311 milhões em pessoal, recursos do Tesouro. Um montante também para a Manaus Previdência, para a ManausMed e para pagar merecidas proporções funcionais. Em resumo, um valor que irrigará o comércio, o setor de serviço e movimentarão fortemente a economia, tudo isso além dos R$ 60 milhões pagos em cartões magnéticos do Programa Nossa Merenda para os nossos alunos da rede municipal”, comentou Arthur Neto, em vídeo publicado em suas redes sociais.

    Segundo a Secretaria Municipal de Finanças e Tecnologia da Informação (Semef), somente com o 13º são investidos R$ 56,4 milhões, além de outros R$ 260 milhões referentes à folha do funcionalismo público dos meses de novembro e dezembro, sendo R$ 130 milhões em cada mês.

    “Uma das grandes marcas da gestão do prefeito Arthur Neto é a de pagar o salário dos servidores em dia, mesmo diante das crises que a prefeitura enfrentou como essa da pandemia da Covid-19. Com a antecipação, os servidores terão tranquilidade para se planejar e até mesmo os comerciantes terão mais uma garantia de vendas nesse período de fim de ano”, explicou a secretária da Semef, Mariza Gentil.

    Manaus Previdência

    Com autonomia de gestão dos recursos, a Manaus Previdência também antecipou os pagamentos de dezembro dos aposentados e pensionistas com um investimento estimado em R$ 27 milhões, assim como o salário de novembro, pago junto com o 13º, injetando na economia uma média de R$ 53,2 milhões.

    “A Prefeitura de Manaus é uma das maiores empregadoras da capital amazonense, e movimenta a economia em todos os âmbitos, inclusive com as diversas obras que estão ocorrendo pela cidade, que serão entregues até o final de dezembro e irão deixar a sensação de missão cumprida com a cidade”, finalizou o prefeito Arthur Neto.

    ‘Nossa Merenda’

    Além dos mais de R$ 311 milhões investidos pela Prefeitura de Manaus, a economia local também recebe um total de R$ 60 milhões em cartões magnéticos destinados à segurança alimentar do programa “Nossa Merenda”, ampliado pela prefeitura por causa da pandemia de Covid-19 para que as famílias dos estudantes da rede municipal possam receber esse benefício. O cartão magnético com chip é uma novidade das próximas parcelas e já foram entregues aos pais ou responsáveis dos mais de 240 mil alunos.

    *Com informações da assessoria

    Veja mais:

    Serafim alerta para negativação de municípios junto ao CAUC

    Amazonas conquista prêmio nacional de responsabilidade previdenciária

    Prefeitura realiza mais de 84 mil atendimentos tributários