Fonte: OpenWeather

    Empreendedorismo


    Circuito do Trabalho e Empreendedorismo ocorre em Iranduba

    O evento dá continuidade ao projeto, que é uma parceria com o Instituto Numiá e visa o aumento da geração de emprego e renda no Estado

    Na ocasião, o presidente do Instituto Numiá, Michael Souza, destacou a importância da capacitação para o mercado de trabalho
    Na ocasião, o presidente do Instituto Numiá, Michael Souza, destacou a importância da capacitação para o mercado de trabalho | Foto: Divulgação/Setemp

    Manaus - O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria Executiva do Trabalho e Empreendedorismo (Setemp), órgão da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti), realizou na manhã desta segunda-feira (14/12) a cerimônia de abertura das aulas inaugurais do “Circuito do Trabalho e Empreendedorismo”, no Distrito de Cacau Pirera, município de Iranduba.

    O evento dá continuidade ao projeto, que é uma parceria com o Instituto Numiá e visa o aumento da geração de emprego e renda no estado, capacitando pequenos empreendedores e qualificando os cidadãos para o mercado de trabalho, por meio de cursos profissionalizantes.

    A antiga Arena Caxiri foi responsável por receber a estrutura do centro itinerante de formação, e o público pôde prestigiar a solenidade de abertura do projeto no município. Para a titular da Setemp, Neila Azrak, estar na cidade para a realização do evento, é a certeza de que tudo tem acontecido de forma positiva.

    “A nossa ideia, a partir dessa iniciativa, é abrir portas para que o número de profissionais no mercado de trabalho cresça e, com o apoio do Governo do Amazonas, estamos levando isso adiante com resultados positivos”, relatou.

    Na ocasião, o presidente do Instituto Numiá, Michael Souza, destacou a importância da capacitação para o mercado de trabalho, além do compromisso dos interessados nas aulas.

    Os cursos de Agente de Portaria (AGP), Treinamento Básico Operacional (TBO), Reciclagem em NR-10, NR-15, NR-20 e NR-35 foram ofertados para quem busca oportunidades no meio profissional. Já os cursos de Crochê, Montagem com Semente, Bordado Vagonite, Modelagem em Biscuit, Costura, Fuxico e Macramê serão ministrados para as turmas de empreendedorismo e artesanato.

    O “Circuito do Trabalho e Empreendedorismo” foi contemplado em emendas de deputados da Assembleia Legislativa do Estado e pretende atender até 5 mil pessoas. Presidente Figueiredo foi a primeira cidade a receber o projeto, que seguirá pelos municípios de Manacapuru, Itacoatiara, Rio Preto da Eva e Manaus.

    *Com informações da assessoria

    Veja mais:

    ‘Circuito do Trabalho e Empreendedorismo’ ocorre nesta sexta (4) no AM

    Abertura do Circuito do Trabalho e Empreendedorismo ocorre em PF

    Ações de empreendedorismo são iniciadas no Casarão da Inovação Cassina