Fonte: OpenWeather

    Imposto de Renda


    Receita libera nova versão do programa da declaração do IR 2021

    A atualização foi necessária por causa do adiamento da entrega da declaração para 31 de maio

     

    Não há necessidade de fazer declaração retificadora nem de reimprimir a guia
    Não há necessidade de fazer declaração retificadora nem de reimprimir a guia | Foto: Divulgação

    Brasília - Os contribuintes com Imposto de Renda a pagar precisam estar atentos. A Receita Federal liberou nesta quinta-feira (29) em sua página na internet uma nova versão do programa gerador da declaração de 2021.

    A atualização foi necessária por causa do adiamento da entrega da declaração para 31 de maio. O programa emitirá guias do Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf) com novas datas de vencimento.

    Quem já enviou a declaração não precisa se preocupar. A Receita informa que quem emitiu Darf com vencimento até amanhã (30) poderá pagar o imposto até 31 de maio sem acréscimos.

    Não há necessidade de fazer declaração retificadora nem de reimprimir a guia. Quem optou pelo débito automático também não precisa fazer nada. O valor referente a abril só será debitado em 31 de maio.

    Além da primeira cota ou da cota única do Imposto de Renda Pessoa Física, foram prorrogadas para o último dia de maio as seguintes datas de vencimento: devolução do auxílio emergencial, doações a projetos financiados pelo Estatuto da Criança e do Adolescente e doações a fundos controlados por Conselhos do Idoso.

    A Receita esclarece que a guia com vencimento em 30 de abril pode ser paga amanhã, caso o contribuinte queira.

    Portal e-CAC

    Quem consultar o status da declaração no Centro Virtual de Atendimento da Receita (e-CAC) após 30 de abril verá os débitos como vencidos. Segundo o Fisco, o contribuinte não precisa se preocupar porque, até 10 de maio, as informações serão corrigidas no ambiente virtual, com a data do vencimento atualizada para 31 de maio.

    Segundo o balanço mais recente da Receita Federal, apresentado 16.085.168 contribuintes tinham enviado a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2021 até as 11h de quarta-feira (28). Isso equivale a 49,3% do volume previsto para este ano.

    Em 2021, o Fisco espera receber entre até 32.619.749 declarações. No ano passado, foram enviadas 31.980.146 declarações.

    Veja mais:

    Arrecadação federal sobe 18,5% e bate recorde

    Mais de 40% dos contribuintes enviaram declaração do IR

    Live ensinará contribuintes a doarem parte do IR a projetos sociais