Fonte: OpenWeather

    Crédito


    Afeam planeja ampliar acesso à linhas de financiamento emergenciais

    O trabalho de planejamento ocorre em parceria com a Companhia de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Ciama)

     

    O encontro entre Ciama e Afeam resultou numa estratégia de divulgação entre órgãos parceiros
    O encontro entre Ciama e Afeam resultou numa estratégia de divulgação entre órgãos parceiros | Foto: Divulgação

    Manaus - Na tarde desta quarta-feira (19/05), a Companhia de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Ciama) recebeu a visita do presidente da Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam), Marcos Vinicius Castro, com o intuito de ampliar o Termo de Cooperação Técnica (TCT) entre os dois órgãos e definir estratégias de expansão ao acesso de linhas de financiamento emergenciais do Governo do Estado, que agora também poderão ser consultadas e direcionadas pela Companhia de Desenvolvimento.

    O presidente da Ciama, Aluizio Barbosa, abriu a reunião entre as equipes técnicas, agradecendo a visita e confirmando a disposição da Companhia em disponibilizar o acesso às linhas de crédito da Afeam a empresários e microempreendedores do interior, que buscam a Ciama.

      "Essa é mais uma parceria incentivada pelo governador Wilson Lima, que irá render bons frutos o mais breve possível. O governador sabe que nós estamos trabalhando aqui na Ciama com os olhos voltados ao interior. Nada mais natural que a Ciama possa atuar como representante da Agência de Fomento, ajudando quem precisa cadastrar seus projetos", comentou o presidente da Ciama.  

    Para o presidente da Afeam é preciso que cada vez mais empreendedores possam ter conhecimento e acesso às linhas da Agência de Fomento.

    "Essa crise que estamos vivenciando transformou nossos sistemas. Estamos com todas as informações, cadastros, listas, formulários, disponibilizados na Internet. Então, é importante mostrarmos aos nossos parceiros como tudo isso funciona e como podemos estender os benefícios a muito mais cidadãos", asseverou.  

    O encontro entre Ciama e Afeam resultou numa estratégia de divulgação entre órgãos parceiros.  


    "A partir da semana que vem estaremos nos reunindo com diversos órgãos parceiros, num trabalho conjunto de capacitação, para que as linhas de financiamento sejam mais e mais conhecidas, quem sabe, inclusive, alcançando as empresas terceirizadas do nosso Distrito Industrial", finalizou Marcos Vinicius.  

    A linha de financiamento emergencial da Afeam tem juros que variam entre 4,5% a 7,5% (com bônus até R$ 100 mil) para empresários e empreendedores que estejam adimplentes. As linhas acima de R$ 100 mil têm juros variando de 9% a 10%.

    *Com informações da assessoria

    Veja mais:

    Afeam prorroga prazo para Renegociação Emergencial no AM

    Crédito emergencial no AM já distribuiu mais de R$ 3,3 milhões

    AM lança Plano Safra com R$ 1 bilhão em investimentos