Fonte: OpenWeather

    PIM


    No PIM, Yamaha vai parar a produção por falta de insumos

    Segundo a nota oficial, a decisão considera a situação adversa na cadeia de suprimentos decorrente da crise de abastecimento causada pelos efeitos da pandemia

    A multinacional informa que os colaboradores que atuam nas linhas afetadas serão colocados em férias coletivas | Foto: Arquivo EM TEMPO

    MANAUS (AM) - Por falta de insumos, a Yamaha anunciou a suspensão provisória das atividades em algumas de suas linhas de produção de motocicletas e motores de popa em Manaus no período de 09 a 24 de setembro.

    Segundo a nota oficial, a decisão considera a situação adversa na cadeia de suprimentos decorrente da crise de abastecimento causada pelos efeitos da pandemia do coronavírus, e visa adequar o fluxo de recebimento de insumos.

    Esta é segunda vez que a fábrica para pelos mesmos motivos. Entre 3 a 12 de maio a Yamaha parou as atividades pelos mesmos motivos.

    A multinacional informa que os colaboradores que atuam nas linhas afetadas serão colocados em férias coletivas.

    Confira a nota da íntegra!

    Considerando a situação adversa do cenário logístico internacional, causada pelos efeitos da pandemia pela variante delta do Coronavírus na Ásia, e visando ajustar o fluxo do recebimento de insumos, o Grupo Yamaha suspenderá as atividades em algumas de suas linhas de produção de motocicletas e motores de popa, no período de 09 a 24 de setembro. Nas linhas afetadas, os colaboradores estarão em férias coletivas.

    Parte da produção, assim como as demais atividades operacionais das empresas do Grupo Yamaha do Brasil, permanecerão em regular atividade durante esse período.

    Leia Mais

    Yamaha fecha 2019 com crescimento na produção

    Yamaha paralisa produção no Polo Industrial de Manaus