Fonte: OpenWeather

    Economia


    Dois mil novos empregos serão gerados até junho em Manaus, diz Setrab

    O setor que deve gerar maior número de emprego é o comércio – foto: Mário Oliveira
    Manaus deverá gerar mais de 2.000 novos postos de trabalho com carteira assinada até o fim de junho deste ano. A expectativa, divulgada nesta sexta-feira (18), é da Secretaria de Estado do Trabalho (Setrab) e do Sistema Nacional de Emprego no Amazonas (Sine-AM).
    De acordo com a assessoria de imprensa do órgão, essa expansão do emprego, que deve se concentrar principalmente na capital amazonense e nos municípios de Itacoatiara, Coari, Iranduba e Manacapuru, está sujeita à manutenção do atual quadro de estabilidade econômica e ao reaquecimento do mercado consumidor.
    Segundo o secretário executivo da Setrab, Paulo Junior, na rotatividade diária das vagas de emprego existe pelo menos 200 postos de trabalho à espera de candidatos. 
    “O maior gargalo na geração da empregabilidade tanto em Manaus como em outros municípios ainda continua sendo a falta de qualificação. As empresas buscam diferenciais e não um perfil profissional que pouco acrescente no desempenho das atividades econômicas diárias”, explicou o executivo.
    Os dados do Sine-AM apontam que entre as atividades que vão mais gerar emprego neste primeiro semestre, será o comércio, onde 30% dos temporários contratados no fim do ano passado deverão ser absorvidos.
    “Hoje já não basta ser apenas vendedor, os lojistas buscam operadores de venda. Na indústria, por exemplo, a exigência é que os candidatos tenham conhecimentos de metrologia como algo imprescindível para a contratação”, explicou.