Fonte: OpenWeather

    Economia


    Até o fim do ano, gás natural deve chegar a 50 empresas do Distrito

    As obras para levar gás ao PIM começarão no início do segundo semestre – Chico Batata
     
    Até o final deste ano, cinquenta empresas do Polo Industrial de Manaus (PIM) contarão com o gás natural como fonte energética. A garantia foi dada pela Companhia de Gás do Amazonas (Cigás), que investirá R$ 40 milhões na empreitada de ampliação do abastecimento de gás na capital amazonense para atender o parque fabril.
     
    De acordo com o presidente companhia, Lino Chíxaro, as obras para o projeto de levar gás ao PIM começarão no início do segundo semestre com a instalação dos dutos nas ruas do Distrito Industrial. “Já estamos nos preparando para a execução do projeto. O processo de licitação para a escolha das empresas, que atuarão nas obras de infraestrutura, deve iniciar no próximo mês e a expectativa é de que, até o final deste semestre, essa primeira etapa seja finalizada”, disse.
     
    Com o processo de licitação concluído, Chíxaro garantiu que as obras, orçadas em R$ 40 milhões, devem iniciar imediatamente. “A intenção é que a execução do projeto inicie em julho e até dezembro, pelo menos 50 indústrias do parque fabril já possam utilizar o gás”, destacou o dirigente, ao salientar que a intenção é que o projeto ganhe força em 2014 e mais investimentos sejam realizados para atender a demanda do empresariado pelo combustível.  
     
    Ainda segundo o presidente, a Cigás será a executora das obras dos ramais do gasoduto nas vias do Distrito Industrial, enquanto as fábricas serão responsáveis pelas adequações para que possam receber o gás. “Essa parte será como ocorreu nas obras de instalação dos dutos na avenida Torquato Tapajós”, informou Chíxaro, ao se referir às indústrias instaladas na área da Zona Norte que já contam com o gás natural após realizarem investimentos em suas unidades.
     
    ParceriaCom os preparativos para ampliar a rede de abastecimento de gás em pleno vapor, um passo importante foi dado, ontem (24), para que as obras sigam sem transtornos na cidade. Uma parceria entre a Cigás e a Prefeitura de Manaus será firmada para que a companhia e a administração municipal atuem juntas na empreitada.
     
    “Vamos contar com a prefeitura para que as obras sejam realizadas da melhor maneira possível, pois precisamos trabalhar em consonância com a prefeitura com o objetivo de termos um bom entendimento e transtornos sejam evitados durante o processo de instalação dos dutos”, destacou o presidente da Cigás, ao destacar que se reuniu com o vice-prefeito e titular da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Habitação (Seminf), Hissa Abrahão, para tratar do assunto.
     
    Durante a reunião, Chíxaro informou o secretário das demandas da companhia e divulgou os planos de atender o PIM com o gás. Abrahão se mostrou disposto em colaborar com a Cigás em relação ao processo de ampliação da rede de gás na cidade para o Distrito Industrial.