Fonte: OpenWeather

    Hipnose


    Você sabia que hipnoterapia pode promover curas?

    A mente cria estratégias únicas, seja para você ficar triste ou feliz, motivado ou desmotivado. Veja como a hipnose pode ajudar a resolver crises, fobias e traumas

    A mente não é algo simples e não existe uma fórmula mágica | Foto: Reprodução

    Na maioria das vezes a palavra hipnoterapia causa espanto, medo e susto. Pensamos: “ Como assim? Ficarei desacordado, enquanto um desconhecido faz o que quer com a minha mente e comigo? ” Por esse e outros questionamentos decidi escrever um pouco mais sobre essa ferramenta fantástica que pode mudar vidas! 

    Imagine que nossa mente funciona como um grande HD que armazena toda a nossa história! Tudo o que fazemos é fruto dessa memória.

    O que ocorre é que armazenamos além do que se é necessário, por exemplo, quando passamos por trauma, estresse, situações que abalam o nosso emocional, nosso HD - chamado de mente - cria um mecanismo de resposta e muitas vezes fixa esse mecanismo como forma de autoproteção, acarretando possíveis fobias, crises de pânico, dores emocionais, etc.

    A mente não é algo simples. Cada um de nós funciona de uma forma distinta. Ela cria estratégias únicas, seja para você ficar triste ou feliz, motivado ou desmotivado... por isso, todos os atendimentos são personalizados as necessidades do cliente. 

    Você já deve ter conhecido alguém com fobia. Quem sabe essa pessoa seja até você, caro leitor. 

    Uma vida que “alimenta” fobias, causam estresse e desconforto na vida pessoal. 

    Você pode perguntar: -“ Mas Marcela, não faço ideia de onde tudo começou. Não me lembro como desenvolvi essa fobia, mesmo assim é possível tratar? ” E a resposta é SIM! 

    Você já deve ter conhecido alguém com fobia
    Você já deve ter conhecido alguém com fobia | Foto: Reprodução

    Nem sempre precisamos achar a causa raiz, mas se for necessário, trabalhamos para que o subconsciente nos de a resposta e, a partir daí, reprogramamos a mente!

    Crises de pânico, de ansiedade, perda do sono reparador, falta de perdão, sentir um peso, mal estar generalizado, problemas no relacionamento, estresse, excesso de ciúmes, disfunções sexuais, dificuldade de concentração e de memorização, insegurança, dificuldades para falar em público, excesso ou falta de peso (distúrbios alimentares), cansaço e falta de energia, perdas e luto, depressão, comportamentos indesejáveis, vícios e outras situações de fundo emocional podem ser tratados com as técnicas de Hipnose. Ações, memorias e percepções podem ser alteradas com o ajuste de outra pessoa. 

    Outro paradigma que temos é sobre a suposta de ideia de ficarmos inconscientes durante o processo.

    A hipnose trabalha com a sua consciência e permissão! Ao contrário do que dizem, pode ocorrer hipersensibilidade a sons, sentimentos, odores, etc. Tudo é feito com o devido consentimento e colaboração do cliente. 

    Um ponto importante a ressaltar é que a hipnose não trabalha isolado, muito menos descaracteriza o tratamento já realizado por outros profissionais. Nosso trabalho é em conjunto, com total foco no cliente. 

    Se você gostou ou ficou com alguma dúvida, fale comigo por minhas redes sociais que terei a maior alegria em responder e partilhar conhecimento @marcelabarbosapaiva

    *O texto é da colaboradora do Entre elas, terapeuta holística, Marcela Paiva