Fonte: OpenWeather

    Campeonato Carioca


    Com 2 de Bruno Henrique, Flamengo bate o Vasco e se aproxima do título

    Com a vitória, o rubro-negro pode perder por um gol de diferença que ainda assim levanta a taça. Ao Vasco, apenas uma vitória por 2 gols de diferença serve. A decisão ocorre no próximo domingo (21)

    Alexandre Vidal

    Rio de Janeiro (RJ) - O Campeonato Carioca tem um novo artilheiro e um campeão encaminhado. Bruno Henrique marcou duas vezes, assumiu a artilharia do torneio e comandou a vitória do Flamengo por 2 a 0 sobre o Vasco na primeira final do Estadual, disputada neste domingo (14), em um Engenhão chuvoso, com pouco mais de 10 mil torcedores e sem clima de decisão.

    Bruno Henrique balançou as redes três vezes, mas um dos gols foi anulado pelo árbitro com o auxílio do VAR. Nos outros dois, marcados no segundo tempo, etapa em que o time rubro-negro exerceu amplo domínio sobre o adversário, o atacante mostrou oportunismo e frieza para ir às redes, chegar à marca de oito gols na competição e confirmar seu poder de decisão em clássicos - seis desses gols foram marcados contra Fluminense, Botafogo e Vasco.

    A vitória no primeiro duelo dá ao Flamengo a vantagem de poder até perder por um gol de diferença no confronto final, marcado para o próximo domingo, às 16 horas, no Maracanã. O Vasco precisa vencer por três gols para ser campeão, ou, então, triunfar devolve o placar por dois gols de vantagem e forçar as penalidades. Suspenso, Bruno Henrique não poderá atuar no jogo de volta.

    A partida

    O técnico Abel Braga atendeu ao apelo da torcida e escalou Arrascaeta como titular na vaga de Diego e o Flamengo foi melhor em quase toda a partida. Teve mais de 60% de posse de bola no jogo, alugou o terreno defensivo do rival e finalizou mais, enquanto o Vasco teve muitas dificuldades na criação e não incomodou o gol de Diego Alves. 

    No primeiro tempo, Gabriel foi quem passou mais perto de marcar. O cabeceio do atacante passou perto do gol de Fernando Miguel e ele teve outras duas oportunidades que poderiam resultar em gol, mas tomou decisões equivocadas. 

    Alexandre Vidal

    No segundo tempo, o Flamengo cresceu, dominou completamente o Vasco e a superioridade se transformou em gol. Brilhou a estrela de Bruno Henrique, que aproveitou as falhas seguidas da zaga do time cruzmaltino e anotou três gols, mas só valeram dois.

    O placar foi aberto aos nove minutos. Danilo Barcelos cortou mal o cruzamento de Everton Ribeiro e, sem querer, presenteou Bruno Henrique, que, esperto, e livre de marcação, cutucou para o gol. Aos 24, o atacante foi às redes de novo, mas o VAR entrou em ação e o árbitro anulou o lance, assinalando impedimento.

    O gol anulado não abateu o Flamengo, que com o controle do jogo e atento para aproveitar os erros do Vasco, que não eram poucos. Desta vez foi Cáceres que falhou e perdeu a bola para Arrascaeta. O uruguaio foi à linha de fundo e cruzou rasteiro, Fernando Miguel espalmou, mas Bruno Henrique apareceu livre para completar para as redes, selando o triunfo da equipe rubro-negra confortável para voltar a faturar o Estadual.

    Leia mais

    Atleta é aposta do Amazonas em torneio de fisiculturismo no Canadá

    Arena da Amazônia recebe projeto ‘Duelos na Arena’

    TJD invalida final do returno do Amazonense e FAF suspende campeonato