Fonte: OpenWeather

    Sul-Americana


    Vasco encara o Oriente Petrolero pela Sul-Americana

    O treinador Abel Braga relacionou 22 jogadores, com destaque para a presença do zagueiro Ricardo Graça

    Vasco enfrenta o Oriente Petrolero pela partida da Sul-Americana | Foto: Divulgação

    Confiando na classificação para a sequência da Conmebol Sul-Americana, o Vasco da Gama encara o Oriente Petrolero pela partida de volta da primeira fase da Sul-Americana, nesta quarta-feira (19), às 21h30 (horário de Brasília). Na Colina Histórica, no jogo de ida, o Almirante venceu por 1 a 0 e conquistou a vantagem do empate.

    Para o importante compromisso contra os bolivianos, o treinador Abel Braga relacionou 22 jogadores, com destaque para a presença do zagueiro Ricardo Graça, que retorna ao grupo de convocados depois de disputar o Pré-Olímpico com a Seleção Brasileira sub-23. Outra aposta vascaína para a partida é o melhor amigo do defensor, o meio-campista Andrey, um dos principais destaques do Gigante da Colina nas primeiras semanas de 2020.

    “É uma competição bastante importante para a gente. Estamos muito focados e buscando trabalhar, evoluir como equipe. Temos acompanhado alguns vídeos do adversário para detectar os pontos fortes e ver onde podemos aproveitar. Queremos chegar bem, fazer um bom jogo, buscar a vitória. Sabemos a importância desse jogo para o Vasco e faremos de tudo para voltar daqui com a classificação”, afirmou o prata da casa Andrey.

    Ao ser perguntado sobre o excelente início de temporada, Andrey declarou que o mesmo é fruto não apenas de sua dedicação aos trabalhos, mas também de seu amadurecimento. A boa fase do meio-campista pode ser comprovada nos números. O prata da casa é o cruzmaltino que mais realizou desarmes no ano, com uma incrível média de cinco desarmes por partidas.

    “Eu amadureci muito. Venho procurando trabalhar mais forte e aprender com as pessoas que estão aqui, com os meus erros também. Conversei com muita gente e procurei absorver as melhores coisas para evoluir, conseguir dar sempre o melhor pelo Vasco. Eu fico muito feliz com a confiança depositada pelo clube e vou procurar retribuir da melhor forma possível”, disse o meio-campista, elogiando, por fim, um companheiro de posição:

    “O professor Abel sabe as carências do time, o que a nossa equipe precisa, mas irei dar o meu melhor sempre que estiver em campo. Temos também o Bruno Gomes para essa função. Tenho certeza que ele tem esse mesmo pensamento, está aqui para ajudar, para fazer o melhor. Quem sabe a gente não pode fazer uma dupla no futuro? Torço muito por ele”.