Fonte: OpenWeather

    Coronavírus


    Equipes de futebol oferecem instalações no combate ao coronavírus

    Botafogo, Corinthians, Santos, Athletico-PR e Cruzeiro são algumas

    Santos e Cruzeiro também adotaram a mesma atitude por meio de comunicados oficiais | Foto: REUTERS/Amanda Perobelli/Direitos Reservados

    Grandes times do futebol brasileiro estão colocando a camisa da solidariedade em meio ao avanço do coronavírus (Covid-19), no país. Botafogo, Corinthians, Santos, Athletico-PR e Cruzeiro já colocaram a estrutura física dos clubes à disposição dos órgãos públicos para cuidar da saúde da população.

    Em nota, o Corinthians oferece o Parque São Jorge, o Centro de Treinamento Doutor Joaquim Grava e a Arena Corinthians para que as autoridades de São Paulo avaliem de que forma poderão ser utilizadas no combate ao avanço da doença.

    Santos e Cruzeiro também adotaram a mesma atitude por meio de comunicados oficiais. O time da Vila Belmiro chegou a propor a montagem de um hospital provisório em seu Salão de Mármore. O Atlhetico-PR recordou que a “reforma da Arena teve a participação de recursos da Prefeitura de Curitiba e do Governo do Paraná, em um acordo tripartite com o clube, que cumpre neste momento sua responsabilidade social e reforça o compromisso com os poderes públicos e o povo do Paraná”.

    Na Zona Norte do Rio de Janeiro, o estádio Nilton Santos, concedido pela Prefeitura do município até 2031 ao Glorioso, também está pronto para o combate à pandemia.

    “O Botafogo tem se posicionado institucionalmente sempre com grande preocupação sobre o avanço do novo coronavírus”, disse o coordenador de Comunicação do clube, Julio Gracco, frisando que o alvinegro carioca foi um dos favoráveis a encerrar o Campeonato Carioca de forma imediata para preservar atletas, comissão técnica, funcionários e torcedores colaborando para frear a pandemia. Todos as sedes botafoguenses estão fechadas e sem atividades.