Fonte: OpenWeather

    Estádio


    Time chinês apresenta projeto para ter maior estádio do mundo

    Com capacidade para 100 mil pessoas, Guangzhou Evergrande, time chinês dos brasileiros Paulinho e Ricardo Goular, pretende ter maior estádio do mundo

    Guangzhou Evergrande anuncia construção de estádio com mais de 100 mil pessoas e supera Camp Nou
    Guangzhou Evergrande anuncia construção de estádio com mais de 100 mil pessoas e supera Camp Nou | Foto: Divulgação

    O Guangzhou Evergrande - time chinês dos brasileiros Paulinho (ex-Corinthians e Barcelona) e Ricardo Goulart (ex-Cruzeiro e Palmeiras) - apresentou, nesta quinta-feira (16), o projeto do novo estádio, que está sendo construído para ser o maior do mundo dedicado ao futebol.

    No formato de uma flor de lótus, em alusão à "Cidade das Flores", como é conhecida Guangzhou na China, o palco com mais de 100 mil lugares prevê superar o Camp Nou, estádio do Barcelona, que atualmente possui capacidade para 99.354 pessoas. A infraestrutura vai custar aproximadamente R$ 8,9 bilhões (12 bilhões de yuans).

    Na cerimônia, a construtora responsável fez questão de exibir a maquinaria com que vai construir o estádio, sob o olhar do treinador campeão do mundo e eleito melhor jogador do planeta, o italiano Fabio Cannavaro - assim como do dono do clube chinês e do Evergrande Group, Xu Jiayin.

    O estádio, com capacidade para mais de 100 mil pessoas, seria o 4º do mundo a atingir a marca
    O estádio, com capacidade para mais de 100 mil pessoas, seria o 4º do mundo a atingir a marca | Foto: Divulgação

    A inauguração está prevista para o final de 2022. Caso as coisas se encaminhem conforme esperado, o estádio será o quarto do mundo a ter capacidade para mais de 100 mil pessoas, mas o primeiro com atividades exclusivamente futebolísticas, já que o Rungrado 1st of May Stadium, da Coreia do Norte, o AT&T Stadium, dos EUA e o Melbourne Cricket Ground, da Austrália são voltados ou compartilhados com outros esportes.