Fonte: OpenWeather

    Olá, Salve, Salve!


    Dudu Monteiro de Paula: ‘Corona Marketing!’

    Clubes e instituições resolveram tocar no coração do torcedor e investiram na confecção de máscaras de proteção individual com a impressão do escudo, brasão ou logomarca da entidade de preferência

    Dudu Monteiro de Paula opina sobre as ações de marketing durante o período do coronavírus
    Dudu Monteiro de Paula opina sobre as ações de marketing durante o período do coronavírus | Foto: Divulgação

    Olá, Salve, Salve!

    O necessário isolamento social, por mais contrastante que possa parecer, na verdade cria um espírito de coletividade maior que se possa alcançar! Ao ficar em quarentena, você estará mais seguro e assegurando a saúde dos seus.

    Conheço essa “teoria” de algum lugar!

    Huuuuu! Lembrei: da prática esportiva.

    Como costumo falar: ninguém é campeão sozinho!Todo e qualquer esporte tem resultados coletivos, inclusive os individuais.

    O atleta é o resultado de várias cabeças, que depende, fundamentalmente, de sua disciplina quanto ao todo. Portanto, nada mais social que o esporte!

    Diante ao exposto, a compreensão da importância da quarentena fica clara! Até porque o nosso adversário pode nos levar à morte e, consequentemente, à derrota.

    Algumas instituições desportivas enfatizam a garantia de seus objetivos sociais, dentre eles a qualidade de vida (saúde) de seu usuário, atleta, dirigente, funcionário, torcedores etc. Busca, dentre os que tem a paixão clubística muito forte e que sentem saudade dos eventos esportivos, dos embates das torcidas, do relacionamento próximo e outras coisas mais, sua razão de ser, de existir e se manter viva na memória do entusiasta.

    Para tornar este momento mais ameno, clubes e instituições resolveram tocar no coração do torcedor e, em uma ação social, investiram na confecção de máscaras de proteção individual em tecido, com a impressão do escudo, brasão ou logomarca da entidade de preferência, para promover a proteção do simpatizante. Que ideia genial!

    Mediante esta iniciativa, possibilitou ao empresário, a manutenção de empregos e geração de renda, e ao torcedor alívio no coração e conservação da saúde.

    E, como a máscara é de pano, lavável e reutilizável, permanecerá mais tempo ao alcance das mãos, da face e do coração.

    Alguns clubes do Amazonas já aderiram à ideia, dentre eles: Rio Negro, Nacional e Manaus. Espero que outros possam aderir à campanha também. Afinal, por orientação do Ministério da Saúde, deveremos usar máscaras protetoras por muito tempo ainda!

    Portanto, como somos mais de 200 milhões de brasileiros, os que estiverem qualificados tecnicamente, podem e devem confeccionar máscaras, e os esportistas, de carteirinha ou não, devemos sim comprá-las!

    Assim, estaremos mantendo a chama viva do esporte, além de manter o emprego e o sustento de milhares de famílias!