Fonte: OpenWeather

    Manaus FC


    Falta de apoio de sócios torcedores preocupa receita do Manaus FC

    Luís Mitoso, presidente do Manaus FC, faz apelo aos torcedores para ajudar o clube durante a pandemia do coronavírus: "precisamos de você"

    Em meio à pandemia, presidente do Manaus FC recorre aos torcedores para salvar o clube
    Em meio à pandemia, presidente do Manaus FC recorre aos torcedores para salvar o clube | Foto: Reprodução/ Twitter @oficialmanausfc

    Manaus - O Manaus FC vive um bom momento em campo, desde que conquistou o tricampeonato Amazonense (2017, 2018 e 2019) e também o acesso à Série C no ano passado. Em 2020, o time disputa pela primeira vez a 3ª divisão do Brasileirão. Devido à pandemia do coronavírus, no entanto, o presidente Luís Mitoso faz apelo aos torcedores para que ajudem na manutenção do clube durante a crise.

    As principais ligas nacionais da Europa (Inglaterra, Espanha, Itália, Alemanha e França) podem ter um impacto equivalente a R$ 22 bilhões (US$ 4,33 bilhões) se os campeonatos não puderem ser retomados, segundo projeção da consultoria KPMG. Os times menores, como é o caso do Gavião do Norte, precisam da participação, por meio de serviços como o de Sócio Torcedor, para ajudar nas receitas.

    "Estamos enfrentando uma grande dificuldade com nossos patrocinadores, que entendemos o momento que passam, mas alguns sinalizaram por suspensão e outros redução do valor enquanto durar a pandemia. Estamos realinhando os custos do Manaus para que possa ter condições de honrar abril e maio. Se junho e julho não voltar, teremos dificuldades para continuar e vamos conversar novamente com todos", revela o mandatário do clube.

    Como tem calendário com competições que duram o ano inteiro e devido ao êxito esportivo das últimas temporadas, o Manaus FC conseguiu ir na contramão da maioria dos clubes amazonenses e manter o elenco com redução de 50% nos salários, ao invés de dispensar os jogares.

    Isso é um ponto positivo para o time, no cenário competitivo, por conta do entrosamento entre os jogadores. No entanto, o presidente alerta que os trabalhos de pré-temporada, que são focados no aprimoramento físico e tático dos jogadores, terão de ser retomados do zero. Além disso, ele alerta para o retorno dos torneios: "vai ser um prejuízo enorme que eu não sei as consequências", afirma.

    "Para junho e julho, estamos buscando alternativas como o Sócio Torcedor, que mostra a importância de ajudar o clube nesse momento, com o valor de R$25 por mês. Se não conseguirmos cinco mil sócios até maio, nosso alvo mínimo, vamos provavelmente ter que fazer cortes e revisões contratuais, o que compromete o clube. É melhor parar a situação agora do que amanhã ficar devendo", esclarece Mitoso.

    Fundado em 2013, o Manaus FC é atualmente o tricampeão Estadual e, em 2020, iniciava (e bem) a trajetória em busca do tão sonhado tetracampeonato. Além do inédito título do 1º turno, o Gavião fez história ao ser o primeiro clube amazonense a avançar de fase no novo formato da Copa do Brasil, com a vitória sobre o Coritiba. 

    Sócio Torcedor

    Presidente do clube pede para que a torcida ajude a manter os salários do elenco e comissão técnica do clube com adesão ao Sócio Torcedor
    Presidente do clube pede para que a torcida ajude a manter os salários do elenco e comissão técnica do clube com adesão ao Sócio Torcedor | Foto: Reprodução/ Twitter @oficialmanausfc

    O Manaus FC lançou o programa de Sócio Torcedor em setembro de 2019, contendo três planos de associação: Gavião de Prata (R$19,90), Gavião de Ouro (R$39,90) e Gavião Real (R$79,90). Após a suspensão das competições com a pandemia, o clube anunciou a categoria “Gavião Fazendo História”, disponível por tempo determinado, no valor de R$ 25 por mês.

    “O mundo todo está atravessando por um momento de incerteza, e conosco não é diferente. Resolvemos adaptar uma nova categoria para que possamos manter quem já é sócio e trazer novos. Sem competições, nossa estrutura financeira vem sofrendo baques e, neste momento, esperamos seguir contando com o apoio do nosso torcedor”, disse o presidente.

    Time do Manaus FC que eliminou o Coritiba, pela Copa do Brasil de 2020. Em pé, da esquerda para a direita: Jonathan, Derlan, Mateus Oliveira, Luis Fernando e Thiago Spice. Agachados, da direita para a esquerda: Igor, Dolem, Rossini, Janeudo, Caíque e Panda
    Time do Manaus FC que eliminou o Coritiba, pela Copa do Brasil de 2020. Em pé, da esquerda para a direita: Jonathan, Derlan, Mateus Oliveira, Luis Fernando e Thiago Spice. Agachados, da direita para a esquerda: Igor, Dolem, Rossini, Janeudo, Caíque e Panda | Foto: Lucas Silva/ Em Tempo

    O clube anunciou também que a nova categoria tem benefícios específicos, como a entrada em todos os jogos com o mando do Manaus na temporada (quando retornar), descontos nas compras de itens oficiais, central de atendimento ao torcedor pelo site oficial do programa e participação em promoções e eventos exclusivos. Para cada mil novas adesões, haverá sorteio de uma viagem com tudo pago para acompanhar o time em partida disputada fora de casa pela Série C do Brasileirão.

    Presidente do Manaus FC, Luis Mitoso
    Presidente do Manaus FC, Luis Mitoso | Foto: Acervo Em Tempo

    O Manaus FC ainda ressalta que as categorias Gavião de Ouro e Gavião Real seguem disponíveis para novas adesões. Quem já faze parte de uma delas pode mudar para o novo plano caso queira e, para isso, basta entrar em contato com a central de relacionamento por meio do e-mail [email protected]

    "Eu faço um apelo ao torcedor amazonense: venha fazer parte dessa história. Compreendemos que a situação está complicada para muitos, mas o torcedor que tem a posição de ajudar o clube de coração, faça parte dessa história que vai ser construída com várias mãos. Hoje o Manaus é construído por todos nós. Quero convidar a torcida a fazer parte integrante, participando do Sócio Torcedor, que não é caro, e precisamos de você. É muito urgente e necessário", declara Luis Mitoso.