Fonte: OpenWeather

    Volta aos treinos


    Manaus FC retoma atividades nesta segunda-feira (13)

    Manaus FC retoma atividades de olho na partida contra o Vila Nova (GO)

    Manaus FC retorna aos gramados visando preparação para a Série C
    Manaus FC retorna aos gramados visando preparação para a Série C | Foto: Divulgação/ Manaus FC

    Manaus - Manaus FC retoma atividades nesta segunda-feira (13), após quase quatro meses desde a última partida, contra o Nacional FC em 15 de março. A reapresentação do elenco está marcada para as 16h, no Centro de Treinamentos Assis Peixoto - o Ninho do Gavião. 

    Após vitória histórica contra o Coritiba, na Copa do Brasil, e o título inédito do 1º turno do "Barezão 2020", o Manaus FC volta aos gramados. Desde a última sexta-feira (10), atletas e comissão técnica passam por testes para detecção da Covid-19.

    A preparação visa a estreia na Série C do Brasileirão, contra o Vila Nova (GO), na Arena da Amazônia Vivaldo Lima, localizada no bairro Flores, zona Centro-Sul da capital. Após reivindicação, a 3º divisão do futebol brasileiro inicia junto das séries A e B, em 9 de agosto.

    | Foto:

    Reforços

    Meio campo, defesa e ataque. Essas foram as posições que ganharam reforços no elenco do Gavião do Norte. Para o setor ofensivo, Alison Mira, de 24 anos, e Matheuzinho, de 25 anos, são as novas esperanças de gol, além da reintegração de Vitinho - destaque na Série D de 2019.

    O volante Rafael Carrilho e o goleiro Bruno Saul compõem as "novas caras" no plantel que disputa a Série C. Carrilho veio por empréstimo do Cianorte (PR) até o fim de 2020 e é, de fato, novidade. Saul fez parte do elenco do acesso e retorna ao Esmeraldino após disputar o "Barezão 2020" pelo EC Iranduba.

    Murilo Vasconcelos, preparador físico do clube, ajudou a preparação física virtualmente
    Murilo Vasconcelos, preparador físico do clube, ajudou a preparação física virtualmente | Foto: Divulgação/ Manaus FC

    Preparação

    O elenco retoma as atividades após praticamente quatro meses de interrupção, devido à pandemia do coronavírus. O último confronto foi válido pelo returno do Campeonato Amazonense, no empate por 1 a 1 contra o Leão da Vila Municipal.

    Com a chegada da pandemia, a realização dos torneios ficou de lado e vários atletas viajaram para outros estados. A saída que o clube encontrou foi virtual: o preparador físico do clube, Murilo Vasconcelos, comandou treinos por meio do aplicativo Zoom para manter o mínimo da forma física dos jogadores.

    A inter-temporada forçada implica na realização de uma nova preparação física trabalhosa e detalhada. O clube terá, então, aproximadamente um mês até a estreia contra o Vila Nova, dentro de casa.

    Manaus FC estreia na Arena da Amazônia contra o Vila Nova (GO)
    Manaus FC estreia na Arena da Amazônia contra o Vila Nova (GO) | Foto: Divulgação/ Manaus FC

    Campeonato Brasileiro

    Previsto para começar entre 2 e 3 de maio, o Brasileirão teve a estreia oficializada para 9 de agosto, pelo menos para as três primeiras divisões. Sob novo formato, a Série C termina apenas em janeiro de 2021. 

    A partir da edição de 2020, o critério de acesso à Série B não é mais via mata-mata, mas por meio de dois quadrangulares. Os times das chaves A e B enfrentam-se em partidas de ida e volta, premiando a regularidade para chegar à 2ª divisão.

    O Manaus FC está na chave A, que além do Vila Nova, também é composta por Paysandu (PA), Santa Cruz (PE), Treze (PB), Imperatriz (MA), Ferroviário (CE), Botafogo (PB), Jacuipense (BA), e Remo (PA). 

    Jogadores e comissão técnica realizam testes para Covid-19
    Jogadores e comissão técnica realizam testes para Covid-19 | Foto: Divulgação/ Manaus FC

    Crise financeira

    Após o vice-campeonato da Série D, contra o Brusque, o clube viveu a expectativa pela estreia inédita na 3ª divisão. Durante a paralisação, o Manaus também vive a apreensão que a crise financeira trouxe.

    A suspensão dos torneios esportivos e a consequente diminuição das receitas deixou o clube com as luzes de emergência ligadas. A volta dos torneios veio em um momento crítico, após reduções salariais de todos os funcionários. 

    Dentre as alternativas para arrecadação financeira, estão o serviço de Sócio-Torcedor - que contabilizava 529 associados até esta segunda-feira (13). A outra é a venda dos direitos de transmissão das partidas, garantido pela Medida Provisória 984/2020.

    O retrospecto da temporada era positivo, apesar da eliminação na Copa do Brasil. O time levantou o "caneco" do 1º turno do Estadual com vitória sobre o Amazonas FC e venceu o Coritiba por 1 a 0, gol de Rossini. No "Barezão", foram seis vitórias e quatro empates em dez jogos, com apenas quatro gols sofridos.

    Leia Mais

    FAF anuncia times que representarão o AM em competições nacionais em 2021;

    Presidente do Manaus FC desaprova data de encerramento da Série C;

    Manaus FC e Brusque vivem realidades opostas após final da Série D.