Futebol


Série B: Guarani e Oeste empatam na abertura da 7ª rodada

Empate é ruim para as duas equipes

Com o resultado, o Guarani chegou a 4 pontos conquistados, e momentaneamente ocupa a 15ª posição
Com o resultado, o Guarani chegou a 4 pontos conquistados, e momentaneamente ocupa a 15ª posição | Foto: David Oliveira/ Guarani FC

Empate que não foi bom para ninguém. Guarani e Oeste abriram, nesta segunda-feira (31), a sétima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. As duas equipes precisavam da vitória para se distanciarem das últimas posições, mas o resultado de 1 a 1, no Brinco de Ouro da Princesa, foi uma ducha fria nas pretensões dos times.

Com o resultado, o Guarani chegou a 4 pontos conquistados, e momentaneamente ocupa a 15ª posição. Dependendo dos resultados dos jogos de quarta-feira, o Bugre pode terminar a rodada na zona do rebaixamento. O Oeste agora soma três pontos e ainda não venceu na competição. O Rubrão é o penúltimo colocado.

O primeiro tempo foi morno. O Guarani apostou no toque de bola para tentar envolver o adversário, mas esbarrou nos próprios erros e em uma defesa que se mostrou sólida. O Oeste preferiu esperar o Bugre no início do jogo e foi se soltando aos poucos. Nos minutos finais da primeira etapa, o Rubrão criou a melhor chance, em um chute de fora da área de Fabrício Oya que parou na boa defesa de Rafael Pin.

O Guarani voltou melhor no segundo tempo. Logo aos 6 minutos, Lucas Crispim abriu o placar. Ele cobrou falta com perfeição, no ângulo esquerdo do goleiro Luiz. O Oeste começou a reagir abusando das bolas aéreas lançadas por Mazinho. De tanto insistir em cobranças de escanteio, o Rubrão empatou. Aos 29 minutos, Mazinho jogou a bola na área e o zagueiro Sidimar completou de cabeça para o fundo do gol.

Após o empate, nenhuma equipe teve forças para impor o ritmo de jogo e sair com os três pontos do Brinco de Ouro da Princesa. Na próxima rodada, o Guarani enfrenta o Operário sábado (5), às 19h, no Germano Krüger. Já o Oeste recebe o Juventude no mesmo dia, às 11h, na Arena Barueri.