Fonte: OpenWeather

    Sul-Americana


    Vasco vence o Caracas e garante vantagem na Copa Sul-Americana

    Apesar ausência de seus dois principais jogadores, o time conseguiu garantir uma vitória importante na competição

    Foi a primeira vitória do novo 'professor' do Vasco, que agora mira vencer no Campeonato Brasileiro
    Foi a primeira vitória do novo 'professor' do Vasco, que agora mira vencer no Campeonato Brasileiro | Foto: Staff/CONMEBOL

    O Vasco venceu o Caracas da Venezuela, na noite de ontem, quarta-feira (29) de outubro, pela Copa Sul-americana. O jogo de volta será na capital Venezuelana, às 21h30, na quarta-feira (04) de novembro. A equipe cruzmaltina tem a vantagem do empate para a próxima partida.

    Apesar de ter mais posse de bola, o time vascaíno não conseguia aproveitar a oportunidade para construir grandes jogadas, errando alguns passes e finalizações, mostrando a diferença técnica que o time possui, sem os seus principais jogadores, German Cano e Benitez, ambos contundidos.

    O cruzmaltino ainda perderia a chance de abri o placar, com um pênalti mal cobrado de Carlinhos, que facilitou a defesa do goleiro adversário. O time ainda teve um jogador expulso, Ygor levou cartão vermelho após uma sequência de faltas.

    O jogo já caminhava para o fim, quando o técnico Sá Pinto, colocou Guilherme Parede e Tiago Reis em campo. Aos 42 da etapa final, Parede fez um cruzamento que encontrou Tiago, que aproveitou a oportunidade para fazer o gol, dando a vitória ao gigante da colina.

    No fim do jogo, em coletiva de imprensa, Sá Pinto falou sobre a atuação do herói da partida

    “Tiago é da base, teve sempre notoriedade e foi artilheiro da Copinha. Excelente atuação desse jovem. Mostrou qualidade e nos ajudou a conquistar uma vitória muito importante” disse.

    O próximo compromisso do Vasco é contra o Goiás, pelo Campeonato Brasileiro, no domingo (01) de novembro. O Time precisa da vitória para sair da zona de rebaixamento.

    *Via Agência Brasil

    Leia mais: 

    Com um a menos, Santos segura empate com o Ceará pela Copa do Brasil 

    Após derrota, Bruno Lazaroni deixa o comando do Botafogo 

    Com acumulo de dívidas, Atlético Rio Negro luta contra leilão