Fonte: OpenWeather

    Convocação


    Pia Sundhage convoca jogadoras para jogos contra a Argentina

    O Corinthians, com cinco representantes, é o clube com mais convocadas.

    13 jogadoras atuam no Brasil e 12 jogam no exterior
    13 jogadoras atuam no Brasil e 12 jogam no exterior | Foto: Thais Magalhães/CBF

    A técnica Pia Sundhage convocou, 25 jogadoras, no início da tarde desta segunda-feira (9), para dois amistosos da seleção feminina de futebol contra a Argentina.

    As partidas ainda não têm datas e locais definidos, mas serão disputadas entre os dias 23 de novembro e 1º de dezembro, no período destinado pela Fifa para jogos entre países.  

    As meias Duda e Júlia Bianchi, ambas do Avaí/Kindermann e duas atletas que vinham sendo chamadas para a seleção sub-20 - a meia Ana Vitória, do Benfica (Portugal), e a atacante Jaqueline, do São Paulo - são as novidades na lista, que reúne 13 jogadoras que atuam no Brasil e 12 que jogam no exterior.

    O Corinthians, com cinco representantes, é o clube com mais convocadas.

    A seleção não joga desde março, quando participou de um torneio amistoso na França, enfrentando as anfitriãs, Canadá e Holanda. Desde o início da pandemia do novo coronavírus (covid-19), o grupo só se reuniu para períodos de treinos.

    O primeiro, em setembro, foi na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), e teve somente jogadoras de times brasileiros. Já o segundo, em outubro, deu-se na cidade de Portimão (Portugal) com atletas que defendem clubes europeus, dos Estados Unidos e da China.

    Confira abaixo a relação de convocadas:

    Goleiras: Aline Reis, Bárbara, Letícia 

    Defensoras: Tamires, Erika, Bruna Benites, Camilinha, Chú, Jucinara, Rafaelle 

    Meio-campistas: Andressa Alves, Adriana, Andressinha, Valéria, Formiga, Luana, Marta, Duda, Julia Bianchi, Ana Vitória 

    Atacantes: Giovana, Ludmila, Nycole, Debinha e Jaqueline 

    *Via Agência Brasil

    Leia mais:

    Domènec Torrente é demitido do comando do Flamengo

    Copa do Mundo de canoagem: Ana Sátila conquista segundo ouro