Fonte: OpenWeather

    Judô


    Campeonato Amazonense de Judô tem 2ª etapa nesta sexta (18)

    No primeiro dia, a competição começa com a pesagem, a partir das 17h

    Com mais de 200 atletas confirmados, a competição conta com o apoio do Governo do Estado
    Com mais de 200 atletas confirmados, a competição conta com o apoio do Governo do Estado | Foto: Mauro Neto/Faar

    Manaus- A Federação de Judô do Amazonas (Fejama) realiza a 2ª Etapa do Campeonato Amazonense de Judô nesta sexta-feira (18) e no sábado (19). 

    Com mais de 200 atletas confirmados, a competição conta com o apoio do Governo do Estado, por meio da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar), e ocorrerá no Ginásio Renné Monteiro, na avenida Constantino Nery, bairro São Geraldo, zona centro-sul. 

    Os duelos devem ter início às 18h, nas categorias Sub-15 e Sub-21. Já no sábado, começarão às 10h as lutas das categorias Sub-11, Sub-13, Sub-18, Veteranos e Sênior. O campeonato, além de premiar com medalhas do primeiro ao terceiro colocados de cada categoria, vai premiar com troféus as academias de mais destaque nesta etapa. 

    O principal objetivo do evento é para que os combatentes possam mostrar o rendimento na modalidade, após as paralisações de competições por conta da pandemia. Segundo o presidente da Fejama, David Azevedo, a competição é um indício de que a modalidade se superou ao longo do ano, e destacou a força de vontade dos atletas que conseguiram se preparar para este evento. 

    "O foco da competição é não deixar o judô morrer. Nesse ano de pandemia foi possível ver que muitos esportes pararam e com isso ficaram bem atrás em relação à nossa modalidade, e esses eventos, como o estadual, ajudam a manter o nosso esporte na ativa. Também gostaria de parabenizar os atletas que mantiveram um bom ritmo nos treinos, com todos os cuidados contra a Covid-19, e com isso alcançarão resultados positivos na competição”, contou. 

    “Nossos atletas presentes nas categorias Sub-11 e Sub-13 podem levar até dois acompanhantes para o torneio, que no caso serão os pais ou responsáveis. Também é bom lembrar que o uso de máscara é obrigatório e que todos passarão pela aferição de temperatura na entrada do local.  Com esses feitos, a gente consegue evitar aglomerações no campeonato e vamos resguardar a vida de todos", concluiu.

    *Com informações da assessoria

    Leia Mais:

    Neuer supera Alisson e é escolhido o melhor goleiro de 2020

    Open Rio é adiado por conta da pandemia da Covid-19Son desbanca

    Arrascaeta e Luiz Suáres e vence o prêmio Puskas