Fonte: OpenWeather

    Brasileirão


    Vasco da Gama pede anulação da partida contra o Internacional

    Em ofício, assinado pelo presidente Jorge Salgado, o Vasco afirma que o 'VAR disfuncional não anula gol do Internacional em flagrante impedimento'

     

    O jurídico do Vasco já está reunindo todas as informações pertinentes para acionar o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD)
    O jurídico do Vasco já está reunindo todas as informações pertinentes para acionar o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) | Foto: Divulgação Vasco

    O Vasco da Gama entrará com um pedido de anulação da partida contra o Internacional, neste domingo (14), em São Januário, válida pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro de Futebol.

    Em ofício, assinado pelo presidente Jorge Salgado imediatamente após o término do confronto, e solicitado que fosse anexado ao relatório da do jogo, o Vasco afirma que o “VAR disfuncional não anula gol do Internacional em flagrante impedimento”.

    “O que presenciamos hoje em São Januário foi mais uma repetição do ultraje que tem sido a atuação da arbitragem da CBF em nossas partidas. Pediram para retirarem uma câmera da Vasco TV, ‘descalibraram’ a linha e ironizaram nosso treinador dizendo que avaliariam as imagens ‘de casa’. Já são 18 apitos contra o Vasco, em uma disparidade desrespeitosa em relação a qualquer outro time da competição. Estou acionando a CBF por telefone hoje para uma reunião esclarecedora. Vamos requerer na justiça a anulação desse jogo”, declara Jorge Salgado.

    O jurídico do Vasco já está reunindo todas as informações pertinentes para acionar o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e buscar os direitos do Clube.

    *Com informações da assessoria

    Leia mais:

    Infância x tecnologia: como inserir crianças nos esportes fora das telas

    Conheça o Nacional, o tradicional clube do Amazonas com 43 títulos estaduais