Fonte: OpenWeather

    Libertadores da América


    Com desfalques, Grêmio joga contra Independiente del Valle no Paraguai

    O Grêmio é tricampeão da Copa Libertadores da América com títulos nos anos de 1983, 1995 e 2017

     

    A Conmebol mudou o local da partida que antes estava prevista para acontecer em Quito, no Equador e foi transferido para Assunção, no Paraguai
    A Conmebol mudou o local da partida que antes estava prevista para acontecer em Quito, no Equador e foi transferido para Assunção, no Paraguai | Foto: Divulgação Grêmio

    Em confronto válido pela terceira fase da Libertadores, o Grêmio enfrenta o Independiente del Valle, às 19h15, desta sexta (9), em Assunção, no Paraguai.

    Após atravessar o continente em direção ao Equador, a delegação gremista desembarcou em Quito no início da semana. Os jogadores foram submetidos a testagem para detecção da Covid-19 no aeroporto Mariscal Sucre e em seguida foram para a concentração, onde fizeram um treinamento físico.

    A Conmebol mudou o local da partida que antes estava prevista para acontecer em Quito, no Equador e foi transferido para Assunção, no Paraguai.

    O técnico Renato Portaluppi desfalca o grupo, com Covid. Renato cumprirá o período de isolamento, com acompanhamento do Departamento Médico gremista. Nos próximos jogos, o auxiliar Alexandre Mendes  estará à frente da equipe.

     

    O auxiliar Alexandre Mendes  estará à frente da equipe
    O auxiliar Alexandre Mendes estará à frente da equipe | Foto: Reprodução

    Em relação ao time que venceu o clássico Gre-Nal do último sábado, o Tricolor não terá o capitão Maicon, que ficou em Porto Alegre. Confirmando a classificação no jogo da volta, na Arena, dia 14, o Grêmio já saberá seu grupo e futuros adversários.

    Os 23 jogadores relacionados para o confronto são: Adriel, Alisson, Bitelo, Brenno, Cesar Pinares, Cortez, Darlan, David Braz, Diego Souza, Diogo Barbosa, Elias Manoel, Emanuel, Everton, F. Henrique, Ferreira, Léo Chu, Léo Pereira, Lucas Silva, M. Henrique, Paulo Victor, Ricardinho, Rodrigues, Ruan, Vanderson, Varela e Victor Ferraz. O time informou ainda que três jogadores chegam para compor a delegação no Paraguai. São eles: Felipe, Luiz Fernando e Guilherme Guedes.

    A torcida apoia, mas acredita que o jogo será difícil, principalmente por conta de desfalques e a ausência na beira de campo de Renato Gaúcho. “Vai ser difícil com muitos desfalques, mas acredito no potencial da gurizada. Voltando com um empate já é goleada”, disse Vinicius de Mello, torcedor do Grêmio. 

    O Independiente del Vallee emitiu nota oficial informando que está de acordo com a disputa pela Copa Libertadores. Por outro lado, o clube pontuou que prioriza a saúde de toda a equipe técnica e jogadores. 

    Os torcedores do time estrangeiro acreditam que a Conmebol esteja, de algum forma, favorecendo o time brasileiro, por conta dos casos confirmados para a Covid-19 e o adiamento da partida para dois dias após o que foi programado. “O que acontece é que eles querem favorecer os brasileiros para que eles não joguem na capital. Felizmente, eles não jogam no Brasil”, comentou Reynaldo Farias, torcedor del Vallee. 

    A torcida também acredita que por conta da mudança do local, a partida seja mais diícil para ambas as equipes. “Estamos acreditando que aqui ou em qualquer lugar, vamos mostrar  o coração do gigante, pra jogar como nunca. Como sempre, no Paraguai, o sonho torna-se difícil, mas nunca será impossível. Eu acredito no meu time. Acredito na classificação”, comentou Kevin Salazar. 

     O Grêmio é tricampeão da Copa Libertadores da América com títulos nos anos de 1983, 1995 e 2017.

    Leia mais:

    Brasileiros se classificam para próxima etapa de mundial de surfe

    Roland Garros é adiado para 30 de maio por conta da pandemia