Fonte: OpenWeather

    Olimpíadas 2021


    Cancelamento de Olimpíada é uma possibilidade, diz líder do Japão

    Apesar das garantias do Comitê Organizador, a persistência da pandemia e os repentinos focos do novo coronavírus alteram os preparativos para os Jogos

     

    Tóquio e outras cidades japonesas adotaram novas restrições sanitárias e eventos-teste olímpicos foram adiados
    Tóquio e outras cidades japonesas adotaram novas restrições sanitárias e eventos-teste olímpicos foram adiados | Foto: Comitê Olímpico Internacional

    O secretário-geral do Partido Liberal Democrata (PLD), Toshihiro Nikai, o número 2 do principal partido que governa o Japão afirmou nesta quinta-feira (15) que os Jogos Olímpicos de Tóquio-2020 podem ser cancelados como último recurso, no momento em que o país enfrenta um novo surto de casos da Covid-19.

    “Precisamos cancelar sem hesitação se eles (os Jogos) não forem mais possíveis. Se os contágios se propagarem por causa das Olimpíadas, não sei para que servem as Olimpíadas”

     

    A governadora de Tóquio, Yuriko Koike, interpretou as palavras de Nikai, feitas a 99 dias da cerimônia de abertura, marcada para 23 de julho, como “uma opção”.

    “Eu considero uma mensagem de ânimo forte para conter o coronavírus por todos os meios”.

     


    Apesar das garantias do Comitê Organizador, a persistência da pandemia e os repentinos focos do novo coronavírus alteram os preparativos para os Jogos, alimentando a incerteza sobre se será possível ou conveniente celebrar o evento esportivo.

    Tóquio e outras cidades japonesas adotaram novas restrições sanitárias e eventos-teste olímpicos foram adiados. A vacinação no país avança em ritmo lento (1,1 milhão de habitantes receberam uma dose, em uma população de 126 milhões).

    *Metrópoles

    Leia mais:

    Jogo do Palmeiras contra argentinos tem 'briga generalizada' em túnel 

    Inspiradas em heróis da Marvel, Adidas lança chuteiras; veja fotos