Fonte: OpenWeather

    Coronavírus


    Japão declara 3° estado de emergência faltando 90 dias para Olimpíadas

    Yoshihide Suga anunciou que a medida estará em vigor entre 25 de abril e 11 de maio, permitindo que as autoridades determinem o fechamento temporário de centros comerciais

     

    Com quase meio milhão de casos de covid-19 e 10 mil mortes devido à doença, o Japão não impôs confinamentos
    Com quase meio milhão de casos de covid-19 e 10 mil mortes devido à doença, o Japão não impôs confinamentos | Foto: Reprodução

    O primeiro-ministro japonês, Yoshihide Suga, decretou nesta sexta-feira(23), o terceiro estado de emergência para Tóquio e mais três prefeituras para conter a propagação da covid-19, quando faltam três meses para o início dos Jogos Olímpicos no país.

    Yoshihide Suga, justificou a medida pelo aumento do número das diferentes variantes do SARS-CoV-2 nos novos casos de infeção.

    "Hoje decidimos declarar o estado de emergência nos departamentos de Tóquio, Kyoto, Osaca e Hyogo"

     


    Yoshihide Suga anunciou que a medida estará em vigor entre 25 de abril e 11 de maio, permitindo que as autoridades determinem o fechamento temporário de centros comerciais e estabelecimentos que vendam bebidas alcoólicas.

    Este é o terceiro estado de emergência no Japão desde o início da pandemia e surge apenas um mês após o fim do último. No entanto, desta vez as autoridades têm mais poderes, após a legislação ter sido reforçada em fevereiro.

    Com quase meio milhão de casos de covid-19 e 10 mil mortes devido à doença, o Japão não impôs confinamentos.

    Yoshihide Suga prometeu realizar olimpíadas "seguras e protegidas", afirmando que elas servirão como um símbolo do triunfo da humanidade sobre a pandemia.

    Leia mais:

    Tiago Nunes é o novo técnico do Grêmio

    Fluminense empate em 1x1 com River na estreia da Libertadores