Fonte: OpenWeather

    Libertadores


    Libertadores: Santos se recupera e vence a primeira na fase de grupos

    Gol relâmpago de Marinho abre triunfo do Peixe sobre The Strongest

     

    | Foto: Alexandre Schneider/ Reuters

    Após duas derrotas, o Santos se reabilitou na Libertadores. Nesta terça-feira (4), o Peixe goleou o The Strongest (Bolívia) por 5 a 0 na Vila Belmiro, em Santos (SP), pela terceira rodada do Grupo C. Foi o primeiro triunfo alvinegro na fase de grupos da competição e a terceira derrota dos bolivianos.

    O clube paulista permanece em terceiro lugar na chave após somar os primeiros três pontos, três a menos que Barcelona (Equador) e Boca Juniors (Argentina), que também se encaram nesta terça na cidade equatoriana de Guayaquil.

    Os argentinos, aliás, são os próximos rivais dos santistas, na terça-feira que vem (11), às 19h15 (horário de Brasília), na Vila. No primeiro duelo contra o Boca, na Bombonera, na capital argentina Buenos Aires, vitória dos anfitriões por 2 a 0.

    Quando o ponteiro concluiu o primeiro giro no cronômetro da Vila Belmiro, o Santos já estava à frente. O meia Gabriel Pirani lançou o atacante Marinho, que completou para as redes na segunda trave. O Alvinegro não diminuiu o ritmo. Aos 25 minutos, o meia Jean Mota encontrou o lateral Felipe Jonatan, que escorou de cabeça para Gabriel Pirani finalizar de primeira, ampliando o marcador.

    O terceiro gol quase saiu aos 39 minutos, mas o goleiro Daniel Vaca salvou uma conclusão do atacante Marcos Leonardo na pequena área. Aos 42 minutos, não teve jeito, o volante Vinícius Balieiro avançou até a entrada da área e arrematou, sem chances de defesa para Vaca. O The Strongest só assustou aos 44 minutos, em batida da intermediária do atacante Willie, que o goleiro João Paulo defendeu.

    O Santos manteve a postura agressiva no início do segundo tempo. Aos 13 minutos, Marinho abriu na esquerda para o também atacante Lucas Braga, que chutou no canto, aumentando a vantagem. O Peixe diminuiu o ritmo, mas continuou mais perigoso.

    Aos 37 minutos, a defesa boliviana afastou a bola nos pés do volante Kevin Malthus, que arrematou e fez o quinto. A melhor chance dos visitantes foi uma cabeçada do zagueiro Gonzalo Castillo que parou na trave aos 19 minutos. E só.

    Antes de voltar a campo pela Libertadores, o Santos decide o futuro no Campeonato Paulista. Na quinta-feira (6), o Peixe visita o Palmeiras no Allianz Parque, em São Paulo, às 21h. Já no domingo (9), ainda sem horário definido, o Alvinegro encerra a participação na primeira fase contra o São Bento, na Vila.

    Os santistas, em terceiro lugar no Grupo D do Estadual, têm de ganhar os dois jogos e torcer por tropeços do Guarani, que está quatro pontos à frente, na segunda posição. Apenas os dois primeiros vão às quartas de final.

    Leia Mais

    Jean Mota quer Santos "chutando mais no gol" na Libertadores

    Flamengo faz últimos ajustes contra LDU, no Equador

    Libertadores: em boa fase, Flamengo encara altitude e LDU, em Quito