Fonte: OpenWeather

    Manaus FC


    Atletas do Manaus FC ganham medalhas para o Brasil no Pan-americano

    Os atletas de Wrestling já se prepararam para o Campeonato Brasileiro sub-15 e sub-23 que será realizado em Recife (PE)

     

    Os atletas de Wrestling do Gavião Real já se encontram em solo manauara
    Os atletas de Wrestling do Gavião Real já se encontram em solo manauara | Foto: Reprodução

    Manaus e o Amazonas foram bem representado no Pan-americano de Wrestling - Cadete Junior, realizada em Oaxtepec, no México. 

    Os atletas do Manaus FC presentes na seleção brasileira e no comando técnico realizaram boa campanha e conquistaram medalhas para o país. 

    O treinador Anderson Alves, líder da equipe de Wrestling do Gavião Real, e presidente da Federação Amazonense de Luta Livre (FALLE), foi medalhista de ouro na competição.

    Além de Anderson, os atletas Jailson Leite foi bronze no estilo livre cadete, Eduardo Trovão conquistou 4° no estilo livre cadete, e Bryan Oliveira bronze no estilo livre Júnior. Anderson parabenizou toda a equipe após o bom desempenho ao longo do Pan-americano.

    "

    A sensação é de dever cumprido. Enfrentamos grandes potências, os melhores lutadores da América. Todos estão de parabéns "

    Anderson Alves, líder da equipe de Wrestling

     

    Os atletas de Wrestling do Gavião Real já se encontram em solo manauara e iniciam em breve a preparação visando o Campeonato Brasileiro sub-15 e sub-23 que será realizado em Recife (PE), em julho.

    Os atletas estão ainda abertos a ajuda financeira para garantir suas passagens, e para quem puder ajudar, basta entrar em contato com o número (92) 98483-8557 ou pelo e-mail [email protected] 

    Juniores

    Matheus Barreto ( 57kg) estreou nas quartas de finais contra o canadense Fotis Papadopoulos. O brasileiro pontuou primeiro, mas não conseguiu suportar os ataques do adversário e foi encostado. Como Papadopoulos não avançou para final, Matheus não pôde regressar para repescagem. O atleta terminou em 13º lugar.

    Bryan Oliveira (61kg) estreou na categoria não olímpica contra o norte-americano Carter Young e foi batido por superioridade técnica (10 a 0). Como Young seguiu para a disputa da medalha de bronze, Bryan retornou para disputa da medalha de bronze contra o paraguaio Eduardo Leon.

      O amazonense precisou de apenas 15 segundo para encostar o oponente e conquistar a medalha de bronze para o Brasil.  

    Pedro Silva (74kg) estreou com uma vitória por superioridade técnica (11 a 0) sobre o argentino Augusto Neiva. Nas quartas de finais, Pedro enfrentou o dominicano Juan Martinez e vencia por 5 a 1. O brasileiro tentou atacar, mas sofreu um contragolpe e foi encostado. Como Martinez perdeu na luta seguinte, Pedro não pôde regressar na repescagem. Como o lutador terminou em sétimo lugar, Pedro garantiu vaga para os Jogos Pan-americanos Júnior.

    Cadetes

     

    Bryan, Yan, João Pedro e Maria Luiza no pódio do Pan Cadete e Júnior
    Bryan, Yan, João Pedro e Maria Luiza no pódio do Pan Cadete e Júnior | Foto: Reprodução

    Estilo livre feminino

    Maria Luiza dos Santos (73kg) estreou com um revés diante da norte-americana, Rose Cassiopi, por superioridade técnica (10 a 0). No segundo combate, a lutadora nacional conseguiu uma virada espetacular. Maria Luiza perdia por 8 a 5 para peruana Aomi Morales até os segundos finais quando no último ataque, conseguiu a queda  com um gancho por fora na perna da oponente, fez 9 a 8 e venceu o combate. Na terceira luta, Maria Luiza conseguiu o touche na primeira ação de ataque sobre a chilena Melanie Sanchez. Na disputa pela prata, a brasileira foi encostada pela mexicana Karime Resendiz e fechou com a medalha de bronze.

    Estilo greco-romano

    Yan Landim (51kg) estreou contra o norte-americano Alan Koehler. O brasileiro buscou a luta desde o início, mas não conseguiu passar pela defesa de Kohler que aproveitou para contra-atacar e abrir vantagem. Yan voltou para o segundo round, mas o americano se defendeu e fechou o placar em 11 a 0.  Na disputa da medalha de prata, o niteroiense enfrentou o peruano Pedro Torres. O niteroiense fui punido com o par terre, mas se defendeu e abriu vantagem ao passar para as costas do oponente. No fim, Yan venceu por 9 a 1 e garantiu a medalha de prata para o Brasil.

    João Amorim (45kg), o amapaense estreou contra o mexicano Roberto Baltazar. Os dois realizaram uma luta franca, buscando pontos e alternando as ações. No último round, o brasileiro diminuiu a desvantagem, mas o cronômetro zerou em 12 a 9 para o mexicano. Na disputa da medalha de prata contra o norte-americano Bowen Basset, João não suportou o volume de luta do oponente e terminou o torneio com a medalha de bronze.

    *Com informações Manaus FC e CBW Brasil Wrestling

    Leia mais:

    Atleta amazonense faz história e leva bronze no Pan de Wrestling 

    "Valentina Feroz" leva estilo guerreiro do AM para o WWE da Flórida