Fonte: OpenWeather

    Na final


    Seleção feminina vence Japão e está na final da Liga das Nações

    A seleção feminina luta por um título inédito na competição

     

    As brasileiras aguardam o vencedor do confronto entre Estados Unidos e Turquia
    As brasileiras aguardam o vencedor do confronto entre Estados Unidos e Turquia | Foto: Divulgação//FIVB

    A seleção brasileira feminina de vôlei está na decisão da Liga das Nações. Nesta quinta-feira (23), o Brasil venceu uma partida emocionante contra o Japão pela semifinal por 3 sets a 1 (25/15, 25/23, 29/31 e 25/16), em Rimini, na Itália.

    As brasileiras aguardam o vencedor do confronto entre Estados Unidos e Turquia, que será disputado ainda hoje, para conhecer o adversário da decisão.

    A final da Liga das Nações feminina entre o Brasil e o vencedor de Estados Unidos e Turquia será disputada às 14h30 (horário de Brasília) desta sexta-feira (25). 

    A oposta Tandara foi a maior pontuadora do confronto, com 23 acertos. As ponteiras Gabi e Fernanda Garay, com 18 e 13 pontos, respectivamente, também se destacaram para o time verde e amarelo.

    Ao final do duelo, Gabi comentou sobre a classificação para a decisão da Liga das Nações e sobre o momento do grupo verde e amarelo.

    "

    Estou muito feliz com a atuação do nosso time. Tenho que parabenizar todo o grupo. As jogadoras que vieram do banco entraram muito bem e isso mostra a força do nosso time. Elas entraram com muita energia e nos ajudaram a virar o jogo em muitos momentos. Sabíamos que seria um jogo difícil. O Japão é um time que não desiste, tem muito volume de defesa e, além disso, sacou muito bem. Tivemos algumas dificuldades no jogo, mas conseguimos nos recuperar e organizar o time para fechar o jogo. Agora vamos com tudo para final "

    Gabi, jogadora

     

    A seleção feminina luta por um título inédito. Na última edição da competição, em 2019, o Brasil ficou com a medalha de prata depois de ser superado pelos EUA na decisão por 3 sets a 2.

    Masculino

    A seleção brasileira masculina foi superado pela Rússia, nesta quarta-feira (23), por 3 sets a 0 (25/21, 28/26 e 25/20), em Rimini, na Itália.

    O Brasil encerrou a fase classificatória na liderança isolada da competição, com 38 pontos (13 vitórias e duas derrotas). A Polônia, em segundo, a Eslovênia, em terceiro, e a França, em quarto, foram as outras seleções classificadas para as semifinais.

    O time verde e amarelo terá pela frente os franceses neste sábado (26) por um lugar na decisão da competição. Na partida desta quarta-feira, o oposto Wallace foi o maior pontuador entre os brasileiros, com 10 pontos. Pelo lado da Rússia, destaque para o atacante Mikhaylov, com 14 acertos.

    O trinador Carlos Schwanke, que dirige o time enquanto Renan se recupera de uma internação de COVID-19 comentou sobre o duelo contra a Rússia.

    *Com informações da Confederação Brasileira de Vôlei

    Leia mais:

    Vôlei de praia: Open inicia com 10 jogos em fases de grupos 

    Brasil vence Itália na estreia de Lucão