Fonte: OpenWeather

    Olimpíadas


    Modalidade do skate traz a primeira medalha brasileira em Tóquio

    Na estreia olímpica do skate, Kelvin Hoefler ficou com a prata somando 36,15 pontos no street

     

    | Foto: Divulgação


    Tóquio - O skate, modalidade estreante nos Jogos Olímpicos nesta edição, trouxe a primeira medalha brasileira na Olimpíada de Tóquio 2020, na madrugada deste domingo (25), no Parque de Esportes Urbanos de Ariake. No street masculino, Kelvin Hoefler ficou com a prata somando 36,15 pontos. O ouro foi do japonês Yuto Horigomi (com 37,18 pontos) e o bronze ficou com o americano Jagger Eaton somando 35,35.

      O brasileiro chegou a liderar boa parte da final, mas acabou sendo ultrapassado pelo representante do Japão durante a prova das manobras individuais. Em alguns momentos, inclusive, ele estava fora da zona de medalhas, mas se recuperou de forma espetacular e fazendo a melhor nota na última manobra, garantiu a medalha.  

    Repercussão

    Neste domingo (25), a Confederação Brasileira de Skate comemorou o marco histórico para o país nas redes sociais.

    "

    O skate brasileiro escreveu o nome na história das olimpíadas faturando a primeira medalha do Brasil nos Jogos de Tóquio. Kelvin Hoefler ganhou a medalha de prata, na manhã deste domingo, no Japão. Um marco para a modalidade e um feito que estará para sempre gravado na memória do skate mundial "

    , declarou a Confederação.

     

    Além de Kelvin, Giovanni Vianna (12º) e Felipe Gustavo (14º), que acabou eliminado na fase inicial, também representaram a Seleção Brasileira de Skate Street.

    *Com informações da Agência Brasil

    Leia mais:

    João Oliva, do Hipismo, atinge maior nota do país em Olimpíadas

    Brasil e Holanda empatam em 3 a 3 e adiam a classificação 

    Monteiro perde na estreia e se despede dos Jogos de Tóquio