Fonte: OpenWeather

    Jiu-Jítsu


    Lutador venezuelano é ouro no 8º Campeonato Amazonense de Jiu-Jítsu

    Ele chamou atenção pelo elevado índice técnico. As quatro vitórias renderam a medalha de ouro

     

    O jovem é atleta da Equipe 7/CTT (Academia FJ Team), no bairro do São José 2
    O jovem é atleta da Equipe 7/CTT (Academia FJ Team), no bairro do São José 2 | Foto: Emanuel Mendes

    Manaus (AM)- Com quatro vitórias, o venezuelano Juan Hilário, de apenas 10 anos, foi um dos destaques individuais da oitava edição do Campeonato Amazonense de Jiu-Jítsu Profissional.

    A competição movimentou o fim de semana esportivo em Manaus neste sábado (4) e domingo (5) de setembro, na Arena Poliesportiva Amadeu Teixeira.

    O jovem é atleta da Equipe 7/CTT (Academia FJ Team), no bairro do São José 2, na zona Leste de Manaus. Na manhã de sábado (4),  o faixa branca disputou a classe 10/11 anos, peso pluma. Ele chamou atenção pelo elevado índice técnico. As quatro vitórias renderam a medalha de ouro.

    "

    Comecei em 2020 e esse é meu terceiro campeonato. No primeiro fui quarto colocado, no segundo terceiro e agora sou campeão. Jiu-jítsu é o esporte que eu amo e nunca vou desistir "

    Juan Hilário, atleta

     

    A técnica Adriana Prado destacou o trabalho social desenvolvido na academia, inclusive no acolhimento e inclusão de crianças oriundas do fluxo migratório Venezuela/Brasil. O jiu-jítsu é ferramenta da integração cultural.

    “Muitas crianças que vieram da Venezuela treinam na nossa academia e o Juan é um deles. Ele está aprendendo, se desenvolvendo cada vez mais. É um menino dedicado que treina todos os dias, ele, os irmãos e o primo”, disse.

    A mãe do campeão, Michele Hernandez, disse que a família chegou a Manaus em 2018 em decorrência da crise humanitária que afetou seu país. A vida nova no Brasil passa pelo tatame, área de lazer do filho fenômeno.

    "

    Na Venezuela eu era professora, e viemos ao Brasil com a esperança de trabalhar e fazer uma vida nova aqui. Hoje meu filho pratica o jiu-jítsu, que é um esporte que melhora a disciplina e facilita até a vida escolar. Somos gratos pela oportunidade "

    Michele Hernandez, mãe do atleta mirim

     

    *Com informações da assessoria

    Leia mais:

    Lutador manauara conhece projetos para o esporte do AM 

    Projeto do AM ensina jiu-jitsu para crianças