Fonte: OpenWeather

    Demitido


    Após derrota, Grêmio anuncia saída de Felipão

    Com as demissões de Renato Gaúcho, após a eliminação do Grêmio na Copa Libertadores, e de Tiago Nunes, Scolari foi o terceiro treinador a comandar o time gaúcho na temporada

     

    Essa foi a quarta passagem do técnico pelo Grêmio
    Essa foi a quarta passagem do técnico pelo Grêmio | Foto: Reprodução

    Luiz Felipe Scolari não resistiu a mais uma derrota do Grêmio e foi demitido na madrugada desta segunda-feira (11).

    De acordo com nota publicada pelo clube gaúcho, a decisão foi tomada em “comum acordo” após o revés para o Santos por 1 x 0, no domingo, na Vila Belmiro.

    Ao final do jogo, Felipão chegou a reforçar a qualidade do trabalho realizado, mas, horas depois, o clube anunciou que encerraria o vínculo com o treinador.

    Essa foi a quarta passagem do técnico pelo Grêmio. Ele assumiu em julho deste ano com o desafio de tirar o clube da lanterna do Campeonato Brasileiro, mas não conseguiu deixar a zona de rebaixamento em definitivo.

      Após 21 jogos no comando, Felipão entrega o time na penúltima posição do Brasileirão. Também foram demitidos os auxiliares Carlos Pracidelli e Paulo Turra e o preparador físico Anselmo Sbragia.  

    Com as demissões de Renato Gaúcho, após a eliminação do Grêmio na Copa Libertadores, e de Tiago Nunes, Scolari foi o terceiro treinador a comandar o time gaúcho na temporada. Logo que assumiu, viu o Grêmio ser eliminado pela LDU na Copa Sul-Americana.

    Sem conseguir dar sequência positiva, ele não resistiu à pressão após uma sequência de quatro jogos sem vencer O duelo contra o Santos era considerado essencial na briga para sair da zona de rebaixamento.

    Em nota, clube tricolor gaúcho agradeceu o “comprometimento e respeito do técnico e sua equipe com a instituição durante o período de trabalho”. Também registrou que Scolari agradeceu ao Grêmio “e continuarei sendo gremista, como sempre fui e sempre serei”, escreveu o clube.

    Em passagens anteriores, Scolari chegou a ser campeão da Copa do Brasil, da Libertadores e da Recopa Sul-Americana. Ele deixará o clube como o segundo treinador com mais jogos no comando do Grêmio, com 385 partidas.

    Na próxima quarta-feira, 13, o Grêmio enfrentará o Ceará pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.

    *Metrópoles 

    Leia mais:

    Presidente Jair Bolsonaro sanciona Lei do Mandante 

    Flamengo atropela Athletico -PR no Brasileirão 

    Inter atropela Chape e Santos afunda Grêmio 

    <<<<<<< HEAD ======= >>>>>>> e5a666b371d90e4920345db9572e28a6ed1fabe8