Fonte: OpenWeather

    Despedida


    Formiga se despede da Seleção feminina após disputar 7 Copas do Mundo

    A jogadora foi elogiada por diversos esportistas que a reconhecem como grande defensora da amarelinha

     

    Formiga é a atleta, entre homens e mulheres, que mais vezes vestiu a camisa da Seleção Brasileira
    Formiga é a atleta, entre homens e mulheres, que mais vezes vestiu a camisa da Seleção Brasileira | Foto: Sam Robles/CBF

    Com brilhante carreira, participação em sete Copas do Mundo e sete Olimpíadas com a Seleção Feminina, Miraildes Maciel Mota, "Formiga", se despede dos gramados. 

    Em Manaus, na noite desta quinta-feira (25) a atleta disputou seu jogo de número 234 com a Amarelinha.  

    Ao longo desses anos, a volante somou 151 vitórias, 35 empates, 47 derrotas e 37 gols marcados pelo seu país. Um legado que não pode ser traduzido apenas em números e perdurará para sempre nas gerações futuras do esporte nacional. 

    A sede da Confederação Brasileira de Futebol amanheceu de cara nova. A fachada da entidade foi envelopada em homenagem a Formiga.

    Com fotos da atleta ao longo de sua trajetória defendendo a Canarinho, a arte cobre a parte frontal da Casa do Futebol Brasileiro e exalta as façanhas alcançadas no mundo do futebol.

     

    A atleta é recohecida mundialmente
    A atleta é recohecida mundialmente | Foto: Sam Robles/CBF
    "

    Despede-se uma das maiores jogadoras de todos os tempos e permanece o exemplo de dedicação, de superação e de amor ao seu país. A Formiga ficará marcada na trajetória da Seleção Brasileira como um modelo para que as novas gerações levem adiante, com ainda mais força, o desenvolvimento do futebol feminino brasileiro. Só o que podemos desejar é que a Formiga esteja sempre por perto, pois sua carreira vitoriosa é uma grande inspiração para todos nós "

    Ednaldo Rodrigues, presidente em Exercício da CBF

     

    Formiga é a atleta, entre homens e mulheres, que mais vezes vestiu a camisa da Seleção Brasileira. Tri-campeã pan-americana, campeã da Copa América, vice-campeã mundial, duas vezes medalha de prata em Olimpíadas.

    Essas são apenas algumas das credenciais da meia para o mundo. Às vésperas de um momento tão especial, faltam palavras para a experiente atleta.

    "Não sei nem o que dizer. É uma junção de sentimentos. Uma sensação de dever cumprido. Sinto que meu trabalho não está sendo em vão. Pela primeira vez não estou pronta, brinco que já nasci pronta, mas pronta para isso aqui, com certeza não estou (risos). Mas está sendo fantástico. Espero que todas as meninas entendam que o trabalho continua, espero que ela continuem contribuindo muito para o crescimento do futebol feminino no país", destacou Formiga, à CBF TV.

     

    A fachada da CBF amanheceu de "cara nova"
    A fachada da CBF amanheceu de "cara nova" | Foto: Adriano Fontes/CBF

    Ícone não só do futebol feminino, mas como do esporte mundial, Formiga também recebeu o carinho do Rei do Futebol. Em tom de agradecimento, Pelé também deixou sua mensagem para a interminável volante brasileira.

    "Formiga, minha querida, queria lhe dar os parabéns, de todo coração. Parabéns e viva o nosso Brasil. Viva, Formiga!", disse o rei. 

    Leia mais:

    Seleção feminina treina em Manaus 

    Jogadora Formiga fala sobre despedida da Seleção e planos 

    Atletas negros marcam a história do esporte na luta contra o preconceito