Fonte: OpenWeather

    POLÊMICA


    Globo demite 40, e âncora demitida xinga Bolsonaro e pede Lula livre

    Priscila Guedes reclamou da demissão e aproveitou para se posicionar politicamente pela primeira vez. Crise na audiência e prejuízo financeiro levaram à decisão da emissora

    Âncora Priscila Guedes no jornal noturno da TV São Francisco, afiliada da Globo em Juazeiro, na Bahia. | Foto: Reprodução

    São Paulo (SP) - A Rede Bahia afiliada da Rede Globo, demitiu na noite da última segunda (06), ao menos 40 jornalistas de seu quadro de funcionários em suas afiliadas no interior a TV Oeste, de Barreiras, e a TV São Francisco, de Juazeiro.

    O grupo se soma ao pacote dos 120 funcionários que começaram a ser desligados do grupo na semana passada. A Rede Bahia é composta por canais de televisão, jornal Correio* e por emissoras de rádio.  Com o corte, as TV Oeste e São Francisco se tornarão apenas sucursais e repetidoras do sinal de Salvador.

    Elas deixarão de exibir os jornais locais. As demissões ocorrem após o grupo registrar prejuízo no balanço de 2018. Segundo comunicado da empresa, a decisão faz parte do "redesenho de portfólio de produtos e governança das empresas que compõem a Rede Bahia, que foi anunciado no início de maio".

    Ancora ataca Bolsonaro

    Âncora do BATV no vale do São Francisco, Priscila Guedes reclamou da demissão e aproveitou para se posicionar politicamente pela primeira vez. No Instagram, ela xingou o presidente Jair Bolsonaro: "Bolsonaro é o c*. Lula livre, p*!". A apresentadora agradeceu a temporada de quase cinco anos na TV São Francisco, mas frisou as dificuldades que ela e a equipe passaram na casa.

    "Foi uma escola. Tive grandes profissionais, grandes amigos e companheiros do dia a dia, dos perrengues... E que perrengues! A gente devia ganhar por insalubridade", criticou.

    Após ser demitida, Priscila postou uma foto do ex-presidente Lula, com a hashtag em que pede a liberdade do político, preso desde abril do ano passado. Horas depois, nos Stories, escreveu a frase com o xingamento destinado ao atual chefe do Executivo. Foi a primeira vez em que a jornalista expressou a sua opinião política. Como funcionária de uma afiliada da Globo, ela não podia fazer isso. 

    A âncora ainda reclamou do fato de não ter se despedido dos telespectadores. "No meu último jornal, me despedi como de costume... mas não como queria", acrescentou. Nesta terça-feira (7), Priscila Guedes voltou à rede social para lamentar a repercussão do corte de funcionários. "Que ironia, viramos notícia. E das piores", escreveu, sobre uma imagem de fundo preto.   

    Audiência 

    A Rede Bahia também passa por uma grave crise de audiência, que preocupa a cúpula da Globo no Rio de Janeiro. O primeiro grande susto ocorreu no início de 2018. Na ocasião, a TV Itapoan, afiliada da Record, aplicou uma derrota histórica ao liderar entre 7h e 23h. Atualmente, a Globo perde para a Record das 7h e 15h45, todos os dias. Perde também no horário nobre, para a reprise de A Terra Prometida. A novela bíblica supera Verão 90 e o Jornal Nacional. São dez horas na vice-liderança.

    *Com informações do site Notícias da TV.

    Leia Mais

    Receba as principais notícias do Portal Em Tempo direto no Whatsapp. Clique aqui!

    Justiça mantém internação de acusado de planejar ataque em Suzano

    PM que agrediu comerciante no Rio por causa de sanduíche vira réu