Fonte: OpenWeather

    Diva é diva


    Ivete Sangalo é considerada uma das mulheres mais poderosas do Brasil

    A cantora Ivete agradeceu os fãs nas redes sociais

    A cantora Ivete agradeceu os fãs nas redes sociais | Foto: divulgação

    São Paulo - A Forbes divulgou neste sábado (25), em seu site, a lista das 20 mulheres mais poderosas do Brasil. O ranking, que foi publicado originalmente na edição de fevereiro da revista, traz personalidades como a cantora Ivete Sangalo, a influenciadora digital Camila Coelho, as atletas Marta e Maya Gabeira. 

    A seleção também traz o nome de Rosa Weber, ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), e reúne diversas executivas.

    Veja a lista das 20 mulheres mais poderosas do Brasil, segundo a Forbes:

    Alice Ferraz, CEO e fundadora da plataforma de blogs Fhits

    Ana Fontes, CEO da Rede Mulher Empreendedora (RME) e presidente do Instituto RME

    Ana Paula Assis, presidente da IBM para a América Latina

    Ana Paula Bógus, general manager da Kimberly-Clark Professional Brasil

    Camila Coelho, influenciadora digital

    Camilla Junqueira, CEO da Endeavor

    Gabriela Manssur, promotora de justiça do MP do Estado de São Paulo

    Ivete Sangalo, cantora, atriz e apresentadora

    Juliana Azevedo, presidente da Procter & Gamble Brasil

    Luciana Marsiano,diretora-geral da Tiffany & Co. no Brasil

    Maria Silvia Bastos Marques, presidente e CEO da Goldman Sachs Brasil

    Marta, jogadora de futebol

    Maya Gabeira, surfista

    Nina Silva, CEO do Movimento Black Money

    Patrícia Villela Marino, presidente do Humanitas360 e cofundadora do Civi-co

    Renata Campos, head da Takeda Brasil

    Rosa Weber, ministra do STF e do TSE

    Sandrine Ferdane, CEO do BNP Paribas Brasil

    Viveka Kaitila, presidente e CEO da General Electric Brasil

    Vivien Rosso, CEO do A.C.Camargo

    Leia mais

    Dr. Rey lança seriado 'On the Road, em Manaus

    Repórter da TV Record é acusado de assediar pelo menos 12 mulheres

    Após polêmica com Whindersson, Carlinhos Maia exclui redes sociais