Documentário


Filme promete provar que Tupac está vivo e escondido em tribo indígena

Diretor afirma ter evidências da fuga do rapper

Tupac pode estar vivo e morando em uma tribo indígena | Foto: Divulgação

Parece que a teoria da conspiração ainda está rondando a memória de Tupac. Um documentário dirigido por Rick Boss promete provar que o rapper forjou a própria morte em 1996 e vive escondido em territórios indígenas no Novo México, nos Estados Unidos. As informações são do site da "Rolling Stone".

2Pac morreu em setembro de 1996, seis dias após ser baleado nas ruas de Las Vegas depois de assistir uma luta de Mike Tyson. Entretanto, Rick acredita que Tupac sobreviveu ao atentado e está sob proteção de índios.

2Pac: The Great Escape from UMC (University Medical Center), local que o rapper ficou internado após ser baleado, ainda não tem data de lançamento.

“O filme é sobre a fuga dele da University Medical Center aqui em Las Vegas e sua ida para o Novo México, onde vive sob a proteção da tribo Navajo”, explicou o diretor.

Segundo Rick, Tupac sabia que seria alvo de um atentado e por isso teria colocado um sósia em seu lugar. Ele e o suposto sósia foram levados para o hospital, mas 2Pac acabou fugindo do local de helicóptero.

“Você pode escrever uma história de ficção, mas isso não é ficção. São fatos a conseguidos a partir do depoimento de algumas pessoas”, insistiu Rick em entrevista ao canal "ABC".