Fonte: OpenWeather

    BALANÇO


    Dia “D” vacina mais de 65 mil crianças contra o sarampo em Manaus

    Público alvo era de crianças com até seis anos incompletos e foram mais de 500 postos disponíveis na cidade

    Vacinação segue sendo realizada nas unidades de saúde diariamente. | Foto: Altemar Alcântara

    Manaus - Mais de 65 mil crianças de seis meses a 5 anos, 11 meses e 29 dias receberam a dose da vacina contra o sarampo neste sábado, 14/4, nos 500 postos que a Prefeitura de Manaus montou em toda a cidade como estratégia para conter o avanço da doença na cidade.

    Este número representa 30,94% do total estimado de crianças nessa faixa etária, que é de 211.787 crianças. A campanha ainda prossegue até o dia 20/4, nas salas de vacinação da rede pública de saúde.

    “Consideramos que esse foi um bom resultado, que ficou dentro do esperado pela coordenação da campanha. Receber mais de 65 mil crianças em nossas unidades em apenas nove horas de um só dia, nos deixa confiantes no sucesso da ação”, destacou o secretário municipal de Saúde, Marcelo Magaldi.

    Leia também: Shoppings e postos de Saúde realizam ação contra sarampo em Manaus

    O secretário reforçou a necessidade de que as famílias levem as crianças da faixa etária a partir de 6 meses até 5 anos às Unidades Básicas de Saúde (UBSs), ao longo da semana, para receberem a dose da campanha. “É primordial a participação da sociedade nessa batalha para conter o avanço do sarampo em Manaus. Peço aos pais que compareçam às nossas unidades. É uma questão de saúde pública da qual a sociedade precisa participar ativamente”, conclamou Magaldi.

    Vice-prefeito Marcos Rotta acompanhou a abertura do Dia "D" na Unidade Básica de Saúde (UBS) Arthur Virgílio, Zona Norte.
    Vice-prefeito Marcos Rotta acompanhou a abertura do Dia "D" na Unidade Básica de Saúde (UBS) Arthur Virgílio, Zona Norte. | Foto: Altemar Alcântara

    Sobre o Dia “D”

    O chamado Dia “D” foi a estratégia usada pelo município para conter o avanço do sarampo em Manaus. O início da vacinação foi realizado na Unidade Básica de Saúde Arthur Virgílio Filho, no bairro Amazonino Mendes, Zona Norte, e foi acompanhado pelo vice-prefeito Marcos Rotta, que reforçou a orientação do prefeito de reforçar a proteção nas crianças. “É preciso que as pessoas tenham a consciência que isso não é algo individualizado, é uma questão de saúde pública”, apelou.

    Edição: Lívia Nadjanara

    Leia mais:

    Mulheres são presas no Alvorada com drogas nas partes íntimas

    'João Branco' é condenado a mais de 30 anos por morte de Oscar Cardoso

    Menina de 11 anos sofre tentativa de estupro em Manaus