Fonte: OpenWeather

    OLD_spte


    Nacional aposta na ‘importação’

    Dos 21 contratados pelo Leão da Vila Municipal, 16 vieram de outros Estados – foto: divulgação
     
     
    O Nacional apresentou nesta segunda-feira (14) os 21 jogadores que farão parte do seu elenco na temporada 2013. Destes, apenas cinco são do Amazonas: Dida (goleiro), Luan (zagueiro), Roberto Dinamet (volante), Smiths (meia) e Garanha (atacante).
    Um dos jogadores que irá atuar na zaga do time é Eduar­do Praes, 25, que atuou no Barueri de São Paulo, no ano passado.
    “A expectativa é a melhor possível. Não conhecia o futebol amazonense pessoalmente, mas, nos últimos anos, ouvi falar muito bem. Não tive dúvida nenhuma de aceitar à proposta, pois parece ser uma ótima oportunidade”, afirmou o jogador.
    Segundo o vice-presidente do Leão da Vila Municipal, Luis Mitoso, todos os atletas já estavam contratados e foram trazidos com sacrifício. “Nós vamos ser campeões. Assim como diz na letra de nosso hino “lutar até morrer”, criaremos todo ambiente favorável para conquistar aquilo que tanto almejamos”, afirmou, ao ressaltar o foco principal do clube.
    “Iremos fazer uma boa apresentação na Copa do Brasil e, com certeza, subir e ficar entre os quatros primeiros na Série B. Digo que D não é série, pois nossa meta principal é chegar à B, depois da Copa do Mundo de 2014”, completou.
    Para o técnico Vilson Tadei, a estrutura física que o Nacional possui será bem aproveitada, mesmo começando as atividades de treinamento em tempo tardio. Ele promete fazer um bom trabalho para conquistar o Campeonato Amazonense e diz que o clima da região não será problema. “Os jogadores tendem a se adaptar às fortes chuvas e ao sol intenso predominante da Região Norte”, enfatizou.
    Novidade na diretoriaOutro destaque para este ano na equipe técnica do Naça é o cargo de diretor executivo de futebol, comandado por Moisés Candido. O Nacional é o primeiro clube do Estado a ter um cargo deste nível. “Fico muito feliz, uma vez que, é uma boa oportunidade de fazer um bom trabalho e também abrir espaço para futuros profissionais que virão exercer esse cargo”, afirmou o dirigente.
    A preparação física dos jogadores também será um dos pontos relevantes em 2013. Para o preparador físico do time, Rafael Silva, o condicionamento é um dos fatores primordiais para um bom desempenho. “Vamos fazer um trabalho rigoroso”, resumiu.