>

    Fonte: OpenWeather

    Contexto


    CONTEXTO: 352 anos de Manaus, Cúpula do PL e mais

    Leia agora as notas da Coluna Contexto dessa sexta-feira (22)

    Escrito por Em Tempo* no dia 22 de outubro de 2021 - 20:49

     

    | Foto: Reprodução


    Com a pandemia em baixa, a volta do “Boi Manaus” marcará as festividades alusivas aos 352 anos da cidade de Manaus. A programação da Prefeitura Municipal começou ontem no Sambódromo e se estenderá até domingo (24).

    O público presencial será de três mil pessoas maiores de 12 anos de idade, de acordo com os protocolos sanitários, que exigem que cada pessoa esteja com o esquema vacinal completo com as duas doses ou dose única contra a Covid-19.

    Mais de 40 artistas participam da festa desde ontem, com destaque para a 23ª edição do Boi Manaus, apresentando artistas como David Assayag, Sebastião Júnior, Israel Paulain, Arlindo Neto, Márcia Siqueira, Klinger Júnior, Prince do Caprichoso, Carlos Batata, Boi-Bumbá Corre-Campo, Boi-Bumbá Garanhão e Boi-Bumbá Brilhante, entre outros.

    Governo comemora

    O Governo do Amazonas lançou, na quinta-feira (21), o primeiro vídeo da série “A Manaus que eu Vivo”. São quatro episódios em homenagem aos 352 anos da capital amazonense. 

    A websérie traz o olhar de gente que vive e transforma a metrópole diariamente, começando com uma merendeira de uma escola e finalizando com um poeta.

    Vídeos nas redes

    Os internautas podem assistir aos vídeos nas redes sociais oficiais do Governo do Estado. Com um episódio por dia, a homenagem segue até o domingo (24).

    A série completa pode ser acessada nas redes sociais da seguinte forma: Instagram: @governo_do_amazonas, Facebook: @GovernodoAmazonas, Twitter: @AmazonasGoverno e YouTube, no perfil do Governo do Amazonas.

    Bolsonaro e o PL

    Surgiu uma nova opção dentro do chamado Centrão para o presidente Jair Bolsonaro definir seu novo rumo partidário.

    Ele desenvolve conversas e negociações com o presidente nacional do PL, ex-deputado Valdemar Costa Neto.

    Jantar quente

    Na noite da última quarta-feira, a cúpula do PL debateu o possível ingresso de Bolsonaro no partido em um jantar realizado no apartamento do senador Wellington Fagundes (PL-MT), em Brasília.

    O deputado federal amazonense Marcelo Ramos participou do jantar juntamente com Valdemar Costa Neto, a deputada Bia Kicis (DF) e os senadores Jorginho Mello (SC) e Carlos Portinho (RJ).

    As condições  

    Segundo o jornal O Globo, uma das condições apresentadas por Bolsonaro para se filiar ao PL é o direito de escolher candidatos ao Senado e ao governo em estados como Rio de Janeiro e São Paulo. 

    Interlocutores avaliam ser mais fácil o presidente optar pelo PL do que pelo PP, que possui bases no Nordeste praticamente comprometidas com o apoio ao ex-presidente Lula na disputa eleitoral pelo Palácio do Planalto.

    Marcelo, o melhor

    Eleito pelo júri do site do Congresso Em Foco como o melhor parlamentar da Câmara Federal em 2021, o deputado Marcelo Ramos agradeceu a distinção nas redes sociais.

    “Dedico esse prêmio e meu mandato a todos os amazonenses e a todos os brasileiros”, disse o deputado nas redes.

    Marcelo foi o mais bem avaliado nos seguintes critérios: assiduidade em sessões deliberativas, participação nos debates do Parlamento, apresentação de propostas legislativas, capacidade de articulação política, combate à corrupção e uso consciente dos recursos públicos, além da defesa da democracia e do desenvolvimento sustentável.

    Fórum Legislativo

    A deputada Joana Darc (PL) classificou de “positivo” o 1 Fórum Estadual das Casas Legislativas Estaduais do Amazonas (Feclam), realizado pela Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam).

    Ela destacou a presença da presidente da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (UNALE), deputada Ivana Bastos (BA), do prefeito de Manaus, David Almeida, e do presidente da Associação Amazonense dos Municípios (AAM), prefeito de Manaquiri Jair Souto, além de vários deputados federais.

    David no destaque

    Um dos destaques do 1 Feclam foi o prefeito David Almeida que ressaltou o evento como importante para a busca de conhecimentos visando o aperfeiçoamento da atividade parlamentar.

    Outro ponto importante foi a palestra do presidente da OAB-AM, Marco Aurélio Lima Choy, que abordou o tema “As reformas política e eleitoral”.

    Relações amistosas

    Para o governador Wilson Lima, o Feclam serviu para aprofundar as relações entre prefeitos e parlamentares para a solução de problemas do Estado.

    “A relação entre o Executivo e o Legislativo é fundamental para que a gente possa evoluir na criação de propostas para solucionar problemas que são históricos. Com um bom entendimento com os deputados temos conseguido aprovar matérias que são importantes para o interior”, disse o governador, citando, como exemplo, a aprovação do FTI (Fundo de Serviços e Interiorização do Desenvolvimento do Amazonas).

    Governo patrocina 

    O governador Wilson Lima, por meio da Faar, patrocinou passagens aéreas para quatro paratletas e um atleta-guia amazonenses participarem de competições nacionais.

    Rumo a Brasília para o Meeting Paralímpico Loterias Caixa, que acontece neste sábado (23) e no domingo (240), Camili Vitória, de 18 anos, representará o estado nas provas de 100m e 200m, na categoria T11. 

    Além do lugar mais alto do pódio, a paratleta busca a classificação para o Campeonato Brasileiro da modalidade, previsto para início de 2022.

    Flutuantes do Tarumã

    Para debater a regulamentação de flutuantes no Tarumã será realizada uma audiência pública com proprietários de flutuantes e representantes da associação da categoria na Assembleia Legislativa na segunda-feira (25). 

    De acordo com o deputado estadual Serafim Corrêa (PSB), que participará da audiência, o diálogo é importante para evitar a poluição ambiental e sonora, além de estabelecer políticas para os frequentadores dos flutuantes como a proibição de lixo no igarapé.

    Quem participa

    Para a audiência, foram convidados representantes do Governo do Estado, do MP-AM, MPF-AM, da Associação dos Flutuantes do Tarumã-Açu (Afluta), Amazonastur, do Comitê da Bacia Hidrográfica do Tarumã-Açu (CBHTA) e da Amazonas Energia, dentre outros órgãos.

    Também se farão presentes autoridades da Águas de Manaus, Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental, Marinha do Brasil, Ipaam e Sema, dentre outros órgãos.

    A audiência será transmitida ao vivo pelo Facebook e pelo YouTube da ALE-AM.

    Constrangimento

    Mais de 200 empresas negaram que tivessem sido convidadas pelo ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, para debater e amarrar a proposta que o Brasil levará à Conferência das Nações Unidas sobre as mudanças climáticas (COP-26), em Glasgow, na Escócia, entre 31 de outubro e 12 de novembro. 

    O ministro, contudo, divulgou que a proposta havia sido combinada após conversas com autoridades de 219 empresas e instituições civis e públicas…

    Segundo o Estadão, a organização ambiental WWF-Brasil, citada pelo ministro, negou qualquer tipo de contato com o Governo Federal para tratar da COP.

    Leia mais:

    EDITORIAL: A Zona Franca de Manaus é um sucesso

    EDITORIAL: O Refis Municipal

    CONTEXTO: PCC aumenta poder na fronteira, auxílio emergencial e mais

    Campanha Amazonpedia