>

    Fonte: OpenWeather

    Editorial


    EDITORIAL: O Amazonas na COP26

    Apenas em 2006, as transações envolvendo créditos de carbono atingiram US$ 25 bilhões, e tudo indica que, após a COP26, esses números serão elevados para patamares bem maiores

    Escrito por EM TEMPO no dia 01 de novembro de 2021 - 21:54

     

    | Foto:

    Ao integrar o sistema nacional de REDD – Redução das Emissões por Desmatamento e Degradação FlorestalREDD + e pelo Conaredd, o Amazonas se habilita para usufruir do bilionário mercado de carbono.

    Apenas em 2006, as transações envolvendo créditos de carbono atingiram US$ 25 bilhões, e tudo indica que, após a COP26, esses números serão elevados para patamares bem maiores, tendo em vista os acordos verdes que estão sendo costurados em Glasgow. Para ter acesso a esses gordos lucros, o Amazonas terá que fazer bem o dever de casa.

    “Isso é extremamente importante para que a gente possa fazer o aprimoramento dessa política, a contabilidade e a creditação de carbono. É um passo determinante na transição para uma economia de baixo carbono a partir da floresta em pé e manejada”, disse à imprensa o secretário de Estado do Meio Ambiente, Eduardo Taveira, comemorando o passo à frente do Estado na onda verde planetária.

    O processo de integração ao REDD passa pelo cumprimento de critérios importantes, ou seja, por uma Lei de Serviços Ambientais e Mudanças Climáticas e pelo Plano de Prevenção e Controle do Desmatamento e Queimadas (PPCDQ-AM), que o Estado já possui e cujo objetivo é reduzir para 15% a taxa referente ao desmatamento até 2022. 

    Com o Programa Amazonas Mais Verde, o Governo Estadual vai descentralizar as políticas de desenvolvimento rural sustentável em áreas críticas do desmatamento e queimadas ilegais, envolvendo 20 municípios. 

    Esse é o caminho para o Estado zerar suas emissões de gases poluentes e pagar bem, com os ricos recursos do carbono florestal, os seus cidadãos que mantém a biodiversidade preservada. 

    Leia mais

    EDITORIAL: A Zona Franca de Manaus é um sucesso

    EDITORIAL: O Refis Municipal

    CONTEXTO: PCC aumenta poder na fronteira, auxílio emergencial e mais


    Campanha Amazonpedia