>

    Fonte: OpenWeather

    contexto


    CONTEXTO: Guerra em Autazes, não à poluição e mais

    Confira a coluna Contexto desta quarta-feira (24)

    Escrito por Em Tempo* no dia 24 de novembro de 2021 - 19:58

     

    | Foto: Divulgação

    Brasil Biofuels investirá 1,8 bilhão na indústria de diesel verde na ZFM

    Com investimentos da ordem de R$ 1,8 bilhão,   a empresa Brasil Biofuels (BBF), em parceria com a distribuidora Vibra Energia, vai instalar, na Zona Franca de Manaus, a primeira indústria de diesel verde (HVO) do país. 

    Conforme o jornal Valor Econômico, o HVO não precisa de adaptação dos motores ou ser misturado ao diesel fóssil, já que suas moléculas são idênticas.

    A unidade da ZFM, que entrará em operação em 2025, produzirá inicialmente 500 milhões de litros de diesel verde por ano, significando 2% da demanda atual da Vibra para vendas no Brasil.

    Não à poluição

    O projeto da Brasil Biofuels, segundo especialistas, é o início de uma mudança radical dos parâmetros da indústria que durante décadas funcionou à base do combustível fóssil, altamente poluente.

    O primeiro projeto do gênero na América do Sul contemplou o Paraguai sob a responsabilidade do ECB Group, dono da BSBios. 

    Segundo Marcelo Bragança, diretor executivo de Operações, Logística e Sourcing da Vibra Energia, o diesel verde já atrai fortemente o interesse de companhias que buscam “descarbonizar” suas cadeias produtivas.

    Guerra em Autazes

    O prefeito de Autazes, Andreson Cavalcante (PSC), declarou guerra à invasão de mais de 600 balsas de garimpeiros nas proximidades da comunidade Rosarinho, entre os municípios de Autazes e Nova Olinda do Norte.

    Ele aposta em uma ação conjunta com o Ipaam e outros órgãos federais e estaduais para retirar da área os garimpeiros e as dragas usadas na extração ilegal de ouro. 

    As articulações do prefeito envolvem Governo do Estado, Marinha, Polícia Federal, Ministério da Defesa e o Ministério do Meio Ambiente.

    Hora de agir 

    O diretor-presidente do Ipaam, Juliano Valente, entende que as balsas estacionadas perto de Rosarinho ocupam área de competência federal, exigindo ação da Agência Nacional de Mineração (ANM), do Ibama e da Polícia Federal em conjunto com os demais órgãos de controle.

    A regulamentação da exploração mineral na área é de competência da ANM e o licenciamento é de responsabilidade do Ibama, cabendo à PF a competência para agir em caso de crimes de exploração ilegal de minério.

    Valente diz que o Governo do Estado está pronto para agir em parceria com o Governo Federal no combate a garimpagem ilegal no Madeira.

    Navegação sob risco

    A Marinha do Brasil está preocupada com a navegação no Rio Madeira em função da invasão de balsas de garimpeiros na região de Autazes.

    Um plano de ação já está sendo organizado com a Polícia Federal para combater e retirar os garimpeiros da área, evitando prejuízos ao escoamento dos produtos da Zona Franca de Manaus direcionados a Rondônia e aos mercados do Sul e Sudeste.

    Bilhões em prejuízos

    Estudo da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com o apoio do Ministério Público Federal, estima em R$ 31,4 bilhões os prejuízos socioambientais causados ao país pelos negócios escusos da extração aurífera ilegal.

    No período, um total de 174 toneladas do mineral foram comercializadas, sendo 49 toneladas oriundas de áreas exploradas sem a autorização federal.

    Bolsonaro assina ficha

    De acordo com o Coronel Alfredo Menezes, o presidente Jair Bolsonaro assinará ficha no Partido Liberal (PL) na próxima terça-feira (30), em evento marcado para as 10h30, em Brasília.

    Dizendo-se “um soldado do presidente”, Menezes deixará o Patriotas e seguirá Bolsonaro no PL.

    Mérito Legislativo

    Ontem, Bolsonaro foi agraciado com a Medalha do Mérito Legislativo em solenidade na Câmara Federal. 

    Autor da propositura, o deputado Vitor Hugo (PSL-GO) discursou elogiando a performance do presidente durante os seus 28 anos de atividades no Congresso Nacional.

    A medalha é concedida a autoridades, personalidades, instituições ou entidades que tenham prestado serviços relevantes ao Poder Legislativo ou ao Brasil.

    Marcelo Ramos sai

    É praticamente certa a saída do deputado federal Marcelo Ramos do PL com o ingresso de Bolsonaro na legenda.

    O vice-presidente da Câmara dos Deputados já estuda convite de várias legendas, dentre as quais o PSD.

    TRF no Amazonas

    Da tribuna da Câmara dos Deputados, o amazonense Marcelo Ramos (PL-AM) propôs a instalação de um Tribunal Regional Federal (TRF) no Amazonas, seguindo o mesmo modelo que propiciou o TRF-6 ao Estado de Minas gerais.

    Com o apoio dos colegas dos deputados Fábio Ramalho (MDB-MG) e Eduardo Bismark (PDT-CE), Marcelo sugere, provisoriamente, a criação de uma câmara do TRF-1 no Estado.

    Grandes eventos

    Empolgado com o Torneio Internacional de Futebol Feminino que começa nesta quinta-feira, na Arena da Amazônia, o governador Wilson Lima assegura que o Amazonas reúne plenas condições para sediar grandes eventos esportivos graças ao avanço da vacinação antiCovid-19.

    Otimista com a diminuição da pandemia, Wilson diz que 70% da ocupação da Arena está liberada para o torneio internacional entre as seleções de Brasil, Índia, Venezuela e Chile.

    Crianças com até 12 anos poderão assistir ao jogo no estádio. O modelo da autorização está disponível nos sites: http://www.faar.am.gov.br/ e https://www.fvs.am.gov.br/.

    Seráfico Cidadão

    O professor José da Silva Seráfico de Assis Carvalho foi homenageado ontem pela Assembleia Legislativa (ALE-AM) com o Título de Cidadão do Amazonas. 

    O deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) foi o autor da propositura.

    Seráfico nasceu em Belém, no Pará, mas mora em Manaus desde 1966, onde formou família e constituiu carreira.

    Quarta onda

    De acordo com a brasileira Mariângela Simão, diretora-geral adjunta de acesso a medicamentos e produtos farmacêuticos da Organização Mundial da Saúde (OMS), a quarta onda do novo coronavírus já é uma realidade no mundo inteiro.

    “Estamos vendo a ressurgência de casos de Covid-19 na Europa. Tivemos nas últimas 24 horas mais de 440 mil novos casos confirmados. E há subnotificação em vários continentes”, disse Mariângela durante o Congresso Brasileiro de Epidemiologia.

    Relaxamento

    Mariângela aconselha prudência aos governantes latino-americanos com relação ao atual processo de flexibilização das restrições adotadas em razão das campanhas de imunização.

    Para ela, o atual quadro de recrudescimento da pandemia na Europa se deve à flexibilização das medidas de distanciamento social e o relaxamento no uso de máscaras. “Além disso, há desinformação, mensagens contraditórias que são responsáveis por matar pessoas”, ressalta a médica.

    Leia mais:

    EDITORIAL: Respeito aos educadores

    CONTEXTO: Bolsonaro sanciona Vale-Gás, Auxílio e mais

    EDITORIAL: A eleição suplementar de Coari

    Campanha Amazonpedia