Sequestro e roubo de carro


‘Bonekito, Pikachu e Playboy’ são presos por roubo de carro em Manaus

Os três envolvidos já tinham passagens pela polícia por roubo de outros veículos em Manaus

O delegado deu maiores informações sobre o trio
O delegado deu maiores informações sobre o trio | Foto: Reprodução

Manaus -  Alberto José Marães de Almeida Júnior, de 27 anos, conhecido como “Bonekito”; Jean Brian Alcântara, de 19, o “Playboy”; e Ruan Vitor Dinelly Batista, de 18 anos, chamado de “Pikachu” foram presos nesta terça-feira (1°) pelo sequestro-relâmpago e roubo do veículo de um administrador, ocorrido no dia 9 de julho deste ano.

Os policiais civis da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (DERFV) informaram que o trio foi preso no bairro Redenção, na zona Centro-Oeste de Manaus. 

De acordo com o delegado Cícero Túlio, titular da DERFV, no dia do crime, o trio estava com uma arma de fogo. Eles abordaram a vítima, na rua Gurupi, no mesmo bairro em que os indivíduos foram presos. 

Na ocasião, o administrador foi amordaçado e colocado no porta-malas do próprio carro. Os criminosos usaram o veículo para realizar roubos em diferentes bairros de Manaus.

“Após cometerem arrastões pela cidade, os indivíduos abandonaram a vítima em uma via pública e seguiram no veículo dela. Depois que o registro da ocorrência foi formalizado, nós iniciamos os procedimentos de diligências e conseguimos localizar e recuperar o carro, que foi imediatamente devolvido ao proprietário”, explicou a autoridade policial.

Ficha criminal

O delegado informou que Jean, o Playboy, já havia sido preso outras duas vezes pelo roubo de duas motocicletas e, quando adolescente, foi apreendido em cinco ocasiões, também, por roubos de veículos. Ruan Victor, o Pikachu, foi apreendido por roubo quando era menor de idade.

Os três envolvidos foram indiciados por sequestro, roubo de veículo e associação criminosa e ficarão à disposição da Justiça.

*Com informações da assessoria

Leia mais:

Trio é preso por traficar drogas no Jorge Teixeira

No AM, mulher oferecia emprego de babá para prostituir adolescentes

Homem é impedido de matar desafeto por policiais em Manaus