Prisão


Homem que esfaqueou a companheira e a deixou paraplégica é preso no AM

O homem estava foragido há 16 anos

O crime aconteceu em 2004
O crime aconteceu em 2004 | Foto: Divulgação
 

Manacapuru - Um homem de 58 anos, foragido da Justiça há 16 anos, foi preso na manhã de segunda-feira (28), por volta das 7h, por ter desferido nove golpes de faca nas costas de sua, então, companheira que, na época, tinha 39 anos, deixando-a paraplégica. A prisão ocorreu no bairro Cidade Nova, na Zona Norte de Manaus e a investigação foi conduzida pela Delegacia Especializada de Polícia (DEP) de Manacapuru. 

De acordo com a delegada Roberta Merly, titular da especializada, o fato ocorreu no dia 17 de maio de 2004, na residência do casal, situada na Travessa Massaranduba, bairro Mutirão, naquele município. Segundo a vítima, que hoje tem 55 anos, da convivência marital com o indivíduo, ela concebeu três filhos, e estava separada dele havia um mês, quando o mesmo resolveu procurá-la e durante uma discussão, tentou brutalmente contra a sua vida, desferindo nove facadas em suas costas.

Conforme a delegada, após o ocorrido, o homem fugiu do local do crime. Uma vizinha ouviu os gritos e viu a vítima banhada em sangue já estirada no chão. Ela não veio a óbito, mas ficou paraplégica. “O caso foi registrado na Especializada do município, onde foi instaurado um Inquérito Policial (IPL) para apurar os fatos, e o processo seguiu, porém como o indivíduo não compareceu a nenhum ato processual, foi expedido pelo Ministério Público (MP) o mandado de prisão preventiva em nome dele, no ano de 2009”, relatou Merly.

Roberta disse que, no decorrer das diligências em buscas pelo autor do crime, algumas tentativas foram frustradas, pois o mesmo não tinha paradeiro fixo, porém, ontem, após novas pistas que surgiram, a equipe policial da DEP conseguiu localizar e efetuar a prisão do elemento na cidade de Manaus.

Procedimentos

O homem foi encaminhado para Especializada do município, onde passou pelos procedimentos cabíveis e permanecerá na carceragem da delegacia, à disposição da Justiça.

*Com informações da assessoria

Leia Mais

Rafael Fernandes vai a júri popular e responderá por morte de Miss 

Após esfaquear 'rival', homem é caçado e morto a tiros em Manaus

Baleado e esfaqueado dão entrada no HPS Platão Araújo