Roubo


560: a linha do medo volta a ser alvo de assaltantes em Manaus

Uma das mais de 40 vítimas é proprietária de uma drogaria, que teve R$ 2 mil levados pelos assaltantes

Os assaltantes fugiram por uma área de mata e levaram pertentes dos passageiros
Os assaltantes fugiram por uma área de mata e levaram pertentes dos passageiros | Foto: Divulgação

Manaus - Mais uma ação criminosa foi registrada no ônibus coletivo 560, conhecida como a linha do medo. Uma das mais de 40 vítimas é a proprietária de uma drogaria, que teve R$ 2 mil levados pelos assaltantes na noite da última segunda-feira (12). O crime aconteceu na avenida do Turismo, bairro Tarumã, Zona oeste de Manaus.

A ação dos bandidos aconteceu por volta das 19h. Pelo menos cinco criminosos, parte deles com aparência de menores de idade, em posse de armas de fogo e facas, anunciaram o roubo no coletivo. 

As vítimas contaram à polícia que o bando agiu com violência e ainda fez o motorista mudar a rota do ônibus para a estrada do aeroporto, para facilitar a fuga. 

Os assaltantes fugiram por uma área de mata e levaram pertentes dos passageiros. A 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) ainda foi acionada, mas não achou os bandidos. 

As vítimas registraram o caso no 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP). 

Leia mais 

Bando que fazia arrastões em terminais de ônibus é preso em Manaus

Ônibus executivo é assaltado por criminosos na avenida Max Teixeira

Ônibus alternativo é assaltado por dupla armada na Zona Leste