Violência no transporte coletivo


Em Manaus, adolescente finge ser passageiro e assalta 560 com arma

A linha 560 é conhecida como a 'linha do medo' em Manaus por conta dos assaltos constantes

 

Os usuários do transporte coletivo andam com medo de assaltos todos os dias
Os usuários do transporte coletivo andam com medo de assaltos todos os dias | Foto: Arquivo Em Tempo

Manaus - Na noite de terça-feira (10), um adolescente de 16 anos foi apreendido por tentativa de roubo, no bairro Cidade de Deus, zona Norte de Manaus. Ele fingiu ser passageiro e armado manteve o motorista refém com ameaças.

De acordo com o relato do motorista, o adolescente entrou no coletivo da linha 560, se passando por passageiro e às 20h anunciou o assalto. Ele tomou o celular do motorista.

Os policiais militares da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foram acionados e conseguiram apreender o adolescente na rua Santa Luzia, no bairro Jorge Teixeira, por onde o ônibus realiza o trajeto.

Com ele, foram encontrados dois simulacros de arma de fogo, uma balança pequena e um celular da marca Samsung A10s, além da quantia de R$ 10 em espécie.

O menor será encaminhado para cumprir medidas socioeducativas
O menor será encaminhado para cumprir medidas socioeducativas | Foto: Divulgação

O adolescente foi encaminhado à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai) para os procedimentos cabíveis.

Outro caso de agressão a motoristas de coletivos

Na segunda-feira, um motorista da linha 038, foi agredido com golpes de terçado, por um comerciante, no bairro Lagoa Azul, zona norte da cidade, após uma discussão sobre onde o ônibus estaria estacionado.

O motorista sofreu ferimentos leves e ambos forma encaminhados para o 6 Distrito Integrado de Polícia (DIP) e após depoimento foram liberados.        

Leia mais: 

Vídeo: Motorista de ônibus é atacado com golpes de terçado em Manaus 

Responsáveis por massacre, chefes de facções retornam a presídio no AM 

'Ruivinha do Crime' e comparsas são presos após arrastão em Manaus