Fonte: OpenWeather

    Confronto


    Guerra entre PCC e CV termina com um morto e 4 capturados em Manaus

    O conflito assustou moradores da rua 55, da comunidade Nossa Senhora de Fátima, na Zona Norte de Manaus

    Suspeito morreu dentro da casa de uma moradora da comunidade
    Suspeito morreu dentro da casa de uma moradora da comunidade | Foto: Divulgação

    Manaus - Um tiroteio entre membros de facções criminosas rivais assustou moradores da rua 55, da comunidade Nossa Senhora de Fátima, na Zona Norte de Manaus, na manhã desta sexta-feira (18). Segundo a polícia, um suspeito morreu, outros três foram presos e um adolescente foi apreendido. 

    O conflito foi entre integrantes do Comando Vermelho (CV) e do Primeiro Comando da Capital (PCC) e teria sido motivado por disputa pelo território do tráfico de drogas daquela região da cidade, conforme informou as autoridades.

    De acordo com a equipe da 27ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), um grupo formado por 10 criminosos teria chegado ao local nas primeiras horas desta manhã e surpreendido membros de uma facção rival.

    Na ocasião, os integrantes das duas organizações criminosas teriam entrado em conflito e iniciado um tiroteio que aterrorizou os moradores da área.

    Veja os presos na delegacia 

    Levados para o 6º DIP | Autor: Divulgação
     

    Pedido de ajuda

    Após ser atingido com um tiro na região do abdômen, um dos suspeitos invadiu a casa de uma mulher de 25 anos. A dona da residência conseguiu fugir do local com o filho, um menino de 7 anos, e chamou a polícia. 

    No entanto, quando os agentes entraram na casa, o suspeito já estava morto. O corpo dele foi removido para o Instituto Médico Legal (IML). 

    Prisões e apreensão

    Após o tiroteio, policiais capturaram três homens e um adolescentes, suspeitos de integrarem os grupos criminosos.

    Dois dos presos estavam feridos e precisaram ser encaminhados para o Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo, na Zona Leste de Manaus.

    O adolescente deve ser encaminhado para a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), e os demais suspeitos, após receberem atendimento médico, serão conduzidos para o 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), ficarão à disposição da Justiça. 

    Leia mais

    Jovem fica no 'fogo cruzado' de facções e morre vítima de bala perdida

    Motorista de app tem carro 'crivado de balas' ao fugir de criminosos

    Terror: dupla rouba semijoias, carro e R$15 mil de família em Manaus