Fonte: OpenWeather

    Violência


    Peixeiro esfaqueado no peito durante roubo morre em hospital de Manaus

    A vítima impediu o roubo a sua residência, matou o suspeito, mas também foi atingido por uma facada. Ele ficou um dia internado, mas não resistiu

     

    Adinaldo chegou a ser transferido para o 28 de Agosto, mas não resisitiu.
    Adinaldo chegou a ser transferido para o 28 de Agosto, mas não resisitiu. | Foto: Reprodução

    Manaus - O peixeiro Adinaldo Farias de Souza, de 44 anos, morreu na noite da última segunda-feira (22), no Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, onde havia passado o dia internado. Ele foi atingido com uma facada no peito, após ter entrado em confronto com o suspeito que invadiu a sua casa, e que também morreu.

    O caso teve início na madrugada de segunda, quando Sandro Marques de Campos, de 25 anos, invadiu a residência de Adinaldo, para tentar roubar dinheiro e os pertences do imóvel, no bairro Tarumã, Zona Oeste de Manaus. Na ocasião, o suspeito estava com uma faca, e acordou os moradores da casa sob gritos de ameaças.

    Em depoimento à polícia, a companheira da vítima relatou que o marido reagiu ao assalto, e travou luta corporal com Sandro. Durante a briga, o peixeiro foi atingido com uma facada no peito, mas conseguiu esfaquear o pescoço do suspeito, que morreu na hora.

    Gravemente ferido, Adinaldo foi levado às pressas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Campos Sales, e em seguida, precisou ser transferido para o 28 de Agosto, onde passou o dia internado. 

    Contudo, o peixeiro não resistiu, e morreu no fim da noite de segunda, por volta de 23h30. O corpo dele foi removido para o Instituto Médico Legal (IML). A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), está investigando o caso.

    Leia mais

    Suspeito é espancado após tentar furtar casa no Mutirão, em Manaus

    Rebeliões em presídios do Equador deixam mais de 70 mortos e feridos

    Confronto no Santo Agostinho: um dos mortos era fugitivo do Compaj