Fonte: OpenWeather

    Puraquequara


    Com 13 golpes, homem é torturado e corpo é jogado em terreno em Manaus

    Segundo informações repassadas pelo Instituto Médico Legal (IML), o homem foi encontrado com 13 golpes de arma branca na região do pescoço

     

    Segundo informações repassadas pelo Instituto Médico Legal (IML), o homem ainda não identificado, foi encontrado com 13 golpes de arma branca na região do pescoço
    Segundo informações repassadas pelo Instituto Médico Legal (IML), o homem ainda não identificado, foi encontrado com 13 golpes de arma branca na região do pescoço | Foto: Arquivo EM TEMPO

    Manaus - Não basta somente a onda de ataques de vandalismo vivenciados desde o último domingo (6), Manaus sofre ainda com outros crimes. Mais uma pessoa foi assassinada na capital amazonense. 

    O corpo de um homem, ainda identificado, foi encontrado na tarde desta segunda-feira (7),  em um ramal do bairro Puraquequara, Zona Leste de Manaus. De acordo com a 28ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), populares ligaram para a polícia e informaram que havia um corpo no ramal 14, em um terreno baldio ao lado da empresa JBS.

    A vítima teria sido assassinada na madrugada desta segunda. Foram identificados, pelo menos, 13 perfurações de arma branca, todas próximas a região da cabeça. O homem possui tatuagens com os nomes Kevin e Mayara Freitas.

    Segundo policiais militares, que atenderam a ocorrência, a vítima aparentava ter entre 35 e 40 anos. Não há informações sobre o que teria motivado o crime.

    O corpo da vítima foi removido do local pelos agentes do Instituto Médico Legal (IML). A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (Dehs) deve investigar o caso.

    Outro caso

    Mesmo após tentar deixar o tráfico de drogas, o jovem Jhuan Henrique Pereira da Silva, de 21 anos, foi morto por "pistoleiros", na noite de domingo (7). 

    O crime aconteceu na rua Walter Reis, bairro Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus. O local da ocorrência foi isolado pela equipe da 30ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).  Testemunhas relataram à polícia que Jhuan estava indo buscar a esposa na igreja quando foi surpreendido por dois homens a pé. Ele foi atingido com dois tiros e morreu no local. 

    "Jhuan já tinha saído do tráfico, mas estava proibido de andar naquela área do Jorge Teixeira. Ele estava indo buscar a esposa grávida quando isso aconteceu. Mesmo tentando mudar de vida, o crime não o perdoou", relatou uma moradora da área.  

    O corpo de Jhuan passou por perícia e foi removido pela equipe do Instituto Médico Legal (IML). O caso será investigado pela Polícia Civil. 

    Leia mais

    "Morri porque joguei com L7", diz bilhete em corpo achado na Compensa


    Corpo de homem é encontrado boiando no pelotão fluvial

    Corpo de homem não identificado é encontrado boiando em porto