Fonte: OpenWeather

    Arma Branca


    Cabelereiro é morto com 12 facadas dentro de salão em Manaus

    Vítima foi brutalmente morta na frente da irmã, dentro do próprio salão onde trabalhava no bairro São José

     

    Vítima trabalhava há anos no lugar
    Vítima trabalhava há anos no lugar | Foto: Cesar Gomes / EM TEMPO

    Manaus - De forma brutal o cabelereiro Joaquim Ramos dos Santos, de 61 anos, foi morto com 12 facadas dentro do próprio salão onde trabalhava na rua Aratiba, no bairro São José Operário 1, na Zona Leste de Manaus. O crime chocou moradores da área que conheciam a vítima há anos. 

    Conforme testemunhas relataram à polícia, era por volta das 7h30 desta terça-feira (22) quando um homem, ainda não identificado, invadiu o estabelecimento e atacou o cabeleireiro.

      Uma irmã da vítima, que estava no salão, foi amarrada pelo suspeito para que não tivesse como impedir a ação criminosa e presenciou Kim ser violentamente assassinado.  

    A morte de Kim, como era conhecida a vítima, ainda é cercada por mistérios, mas as equipes da 9ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) receberam alguma informações sobre supostas motivações. 

    "

    Uns falam que pode ter sido assalto e outros já dizem que pode ser acerto de contas devido a dívidas com agiotas. Outros comerciantes do local relataram que era comum presenciarem agiotas fazendo cobranças no lugar "

    relatou o tenente C. de Souza, da 9° Cicom.

     

     

    Kim era querido por comerciantes e moradores da região
    Kim era querido por comerciantes e moradores da região | Foto: Cesar Gomes / EM TEMPO


    O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ainda foi acionado, mas apenas constatou a morte do cabelereiro. A irmã de Kim, que foi deixada amarrada no local, foi orientada a ir na delegacia. Ela deve ser peça chave para elucidação do crime. 

    Veja a live no local do crime


    Comoção 

    Para os moradores da região, a morte do cabelereiro é lamentável. Kim é lembrado por ter sido uma pessoa muito querida por todos e que trabalhava há anos no lugar. 

    "

    Um crime violento como esse nos causa terror. Ele sempre foi um cara muito querido por todos e trabalhador. O suspeito bateu na porta e ele achando que era cliente abriu o salão. Infelizmente teve a vida arrancada dessa maneira "

    lamentou um morador da área, que não quis se identificar.

     

     

    Kim brutalmente moto com 12 facadas
    Kim brutalmente moto com 12 facadas | Foto: Divulgação

    Peritos do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC) estão atuando na ocorrência e devem identificar maiores indícios dentro da cena do crime para auxiliar nas investigações. 

    O corpo de Kim deve ser removido pela equipe do Instituto Médico Legal (IML), onde irá passar por exame necroscópico e depois será entregue aos familiares.

    A Polícia Civil investiga o caso. 

    Leia mais 

    MP vai investigar caso de motorista morto em ação policial em Manaus

    Jovem de 18 anos é morto com quatro tiros no Monte das Oliveiras

    Pistoleiros invadem casa e executam jovem com dez tiros no Monte Sião