Fonte: OpenWeather

    Homicida


    Suspeito de matar empresário com 11 tiros é preso em Manaus

    O empresário Renault foi morto com 11 tiros na frente do irmão, no Monte das Oliveiras

     

    Carlos Eduardo chegando na sede da DEHS
    Carlos Eduardo chegando na sede da DEHS | Foto: Suyanne Lima

    MANAUS - Suspeito de matar o empresário Renault de Castro Brito, de 33 anos, com 11 tiros, Carlos Eduardo Souza da Silva, de 27 anos, foi preso, nesta terça-feira (24), durante uma ação da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), na Nova Cidade, na Zona Norte de Manaus. 

    O crime ocorreu na noite do dia 15 deste mês, por volta das 21h, na rua Massaranduba, no bairro Monte das Oliveiras, na Zona Norte da cidade. O crime aconteceu na frente do irmão dele. 

    Conforme repassado à polícia, Renault e o irmão estavam consumindo bebidas alcoólicas na calçada quando foram surpreendidos por um homem que já chegou efetuando vários disparos. 

     

    | Foto: Suyanne Lima

    A testemunha relatou à polícia que o alvo era o empresário. Ele ficou agonizando no local até ser socorrido pela população e encaminhado ao Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do conjunto Galiléia, na Zona Norte, mas já deu entrada na unidade hospitalar morto.

    Maiores detalhes das circunstâncias e motivação do crime devem ser repassadas pelas equipes policiais durante coletiva de imprensa, às 14h30, na sede da Delegacia de Homicídios.

    Veja o momento que o suspeito chega na DEHS

    Suspeito do homicídio de empresário é preso pela equipe da DEHS | Autor: Portal Em Tempo
     

    Leia mais:

    Empresário é executado com 11 tiros na frente do irmão em Manaus

    Vendedor de churrasco é executado a tiros por motoqueiros na Compensa

    Vídeo mostra momento de execução na Redenção, em Manaus; veja